Propaganda pelo dia do profissional de Educação Física gera polêmica

Publicidade é veiculada no ônibus suplementar S50 (Caiçara / Nova Vista), em Belo Horizonte

iG Minas Gerais | Natália Oliveira |

Uma propaganda publicitária do Conselho Regional de Educação Física de Minas Gerais (Cref/MG) veiculada no ônibus suplementar S50 (Caiçara / Nova Vista) causou polêmica na rede social Facebook. A propaganda traz a frase: “Fazemos tudo por um mundo menos redondo. 1º de setembro - Dia do Profissional de Educação Física” e a imagem do tronco de uma mulher visivelmente acima do peso. A foto foi considerada preconceituosa por alguns usuários na internet. A imagem  foi postada no último sábado (9) na página de um grupo que discute temas relacionados a publicidade. Alguns usuários consideraram a peça ofensiva às pessoas acima do peso. “Chamar alguém de gordo não o fará emagrecer”, disse um dos usuários. Outros disseram que a propaganda era preconceituosa e desrespeitosa. O diretor de criação da agência que fez a peça publicitária, a Sigla Comunicação, Luiz Oliveira, explicou que a propaganda não tem sentido pejorativo. “Uma pesquisa nos mostrou que quase 50% da população brasileira está acima do peso. Nós fizemos a peça para mostrar a importância do profissional de educação física para ajudar essas pessoas a emagrecerem e melhorarem sua saúde”, esclareceu Oliveira. O designer Frederico Lessa, que  postou a foto, disse que queria abrir a discussão da publicidade. “O  fato da peça ser preconceituosa ou não é uma avaliação de cada um. Existe essa duplicidade”, afirmou. O Cref informou, por meio de sua assessoria de imprensa, que a propaganda não é preconceituosa. O Sindicato dos Permissionários Autônomos do Transporte Suplementar de Passageiros de Belo Horizonte (Sindpautras), responsável pela publicidade no coletivo também não considerou a propaganda ofensiva. “Nós já estamos retirando as propaganda, por que o contrato com a empresa venceu. Não acho que há ofensa no texto e imagem”, justificou Mauricio dos Reis, presidente do sindicato.