Mulher é morta a cadeiradas pelo marido dentro de bar em Araxá

Dona do estabelecimento comercial tentou separar a briga, mas vítima pediu para ela não interfir

iG Minas Gerais | CAROLINA CAETANO |

Uma mulher de 56 anos foi assassinada a golpes de cadeira pelo marido, nesse domingo (10), em Araxá, no Alto Paranaíba. O crime aconteceu dentro de um bar da cidade. De acordo com a Polícia Militar, o casal estava no estabelecimento comercial, localizado na rua Antônio Afonso Vale, no bairro Urciano Lemos, consumindo bebida alcoólica quando iniciaram uma discussão, que não teve o motivo esclarecido. Durante a briga, Carlos Roberto de Souza, de 49, e Maria Libéria Ferreira começaram a se agredir fisicamente. A mulher foi derrubada no chão e, neste momento, o suspeito pegou a cadeira e começou a acerta seu rosto várias vezes. A dono do bar ainda tentou separar a briga, mas a vítima disse que a polícia não deveria ser acionada. Devido à gravidade das agressões, Maria morreu na hora. Após o crime, Souza fugiu e só foi localizado durante à noite na avenida Sebastião Ferreira Pinto, no bairro Ana Pinto de Almeida. Para os militares, o suspeito contou que se lembra apenas de ter chutado a cabeça da vítima. Ele foi levado para a delegacia da cidade e o corpo da mulher encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML).

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave