Manifestantes acampam em frente ao TJMG contra reintegração de posse

Protesto começou por volta de 15h e ainda não há previsão de quando os moradores da ocupação irão deixar o local

iG Minas Gerais | JULIANA BAETA |

Representantes do movimento Luta Popular, Conlutas e moradores da ocupação Willian Rosa acampam em frente ao Tribunal de Justiça de Minas Gerais, no centro da capital, na tarde desta segunda-feira (11). De acordo com o movimento Conlutas, os manifestantes protestam contra a decisão da Justiça de reintegração de posse do terreno, sem nenhuma proposta de relocação das mais de 3.900 famílias que vivem na área atualmente. Os moradores alegam, inclusive, que o terreno estava abandonado há mais de 30 anos. A área pertence a Centrais de Abastecimento de Minas Gerais (Ceasa) e, como estava sem utilização, vinha sofrendo retiradas ilegais que causaram diversos danos ambientais ao local, segundo os manifestantes. A assessoria do TJMG informou que nada ainda foi feito em relação ao acampamento, e que não é possível dizer quantas pessoas estão na frente do órgão. 

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave