Irã não aceitou proposta de suspensão do programa nuclear, diz Kerry

Segundo especialistas, acordo aumentaria relativamente a proteção de Israel em relação ao programa armamentista nuclear do Irã

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

O secretário de Estado dos Estados Unidos, John Kerry, anunciou nesta segunda-feira, 11, que o Irã não aceitou a proposta de suspensão do programa nuclear, apesar do acordo feito com a Organização das Nações Unidas (ONU) de um "roteiro para a cooperação". O acordo aumentaria relativamente a proteção de Israel em relação ao programa armamentista nuclear do Irã. Nas reuniões dos últimos dias foi alcançado um acordo entre as autoridades iranianas e a ONU sobre um "roteiro para a cooperação", que permite uma inspeção das instalações de Arak, anunciou o chefe do programa nuclear do Irã, Ali Akbar Salehi, no final de uma reunião, em Teerã, com o chefe da Agência Internacional de Energia Atômica (Aiea), Yukiya Amano. Os membros permanentes do Conselho de Segurança da ONU - China, Estados Unidos, Rússia, França e Reino Unido e Alemanha - negociaram durante três dias com o governo iraniano, em Genebra, a forma de suspender o desenvolvimento de atividades nucleares em troca do abrandamento das sanções contra o país. A última reunião contou com a participação de cinco ministros e um vice-ministro dos Negócios Estrangeiros dos países do grupo 5+1 e Javad Zarif.

Leia tudo sobre: irãprograma nucleareuakerryonu