Cristina Kirchner recebe alta de hospital após operação no cérebro

Presidente da Argentina só irá retomar suas funções normalmente na próxima segunda-feira, segundo boletim médico lido hoje pelo porta-voz do governo

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

A presidente da Argentina, Cristina Kirchner, está de alta neurológica e cardiológica, mas só irá retomar suas funções normalmente na próxima segunda-feira, segundo boletim médico lido hoje pelo porta-voz do governo, Alfredo Scoccimarro. "Os controles clínicos e o holter de 48 horas realizados na presidente colocaram em evidência a ausência de arritmia significativa", informou o boletim. Cristina já havia recebido alta neurológica no último sábado, após exames realizados na noite de sexta-feira. No próximo dia 9 de dezembro, a presidente será submetida a uma nova bateria de exames de controles. A presidente se afastou do cargo no dia 5 de outubro, quando teve que ir ao médico porque sentia fortes dores de cabeça e arritmia cardíaca. Três dias depois, ela foi submetida a cirurgia para drenagem de um hematoma em uma das membranas entre o crânio e o cérebro

Leia tudo sobre: operaçãoargenteinakirchner