Natação do Brasil fatura mais duas medalhas em Tóquio

Equipe do revezamento 4x50 livre misto foi preta, enquanto Guilherme Guido conquistou o bronze nos 50m costas

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

Satiro Sodré/Divulgação
undefined
Os competidores do Brasil conquistaram neste domingo mais duas medalhas no último dia da etapa de Tóquio, a sétima das oito previstas, da Copa do Mundo de Natação em piscina curta (25 metros). A equipe do revezamento 4x50 metros livre misto do Brasil faturou a medalha de prata, enquanto Guilherme Guido garantiu o bronze nos 50 metros costas. Na disputa do 4x50 metros livre, Nicholas Santos e Fernando Silva, os primeiros nadadores do Brasil a nadar, completaram suas participações na primeira colocação. Nos 100 metros finais, porém, Larissa Oliveira e Graciele Herrman não mantiveram o ritmo e ficaram em segundo lugar, com 1min30s41, atrás da equipe australiana, com 1min29s61. O time B da Austrália completou o pódio, em terceiro lugar, com 1min33s25. Guilherme Guido faturou a medalha de bronze nos 50 metros costas ao completar a prova em 23s31. O norte-americano Eugene Godsoe venceu com o tempo de 23s07 e o australiano Robert Hurley faturou a medalha de prata ao marcar 23s23. A final também teve a participação do brasileiro Daniel Orzechowski, sétimo colocado com o tempo de 23s90. Felipe Lima foi o quarto colocado nos 100 metros peito, com 57s45, em prova vencida pelo australiano Christian Sprenger, que marcou 57s14. Nicholas Santos ficou na quinta posição nos 50 metros livre, com 21s27. O russo Vladimir Morozov conquistou a medalha de ouro, com 20s72. Já nos 200 metros medley, Henrique Rodrigues terminou em quinto, com 1min55s35, enquanto o japonês Kousuke Hagino venceu com 1min51s50, estabelecendo um novo recorde da prova na competição. Larissa Oliveira, com 54s16, ficou em oitavo lugar na disputa dos 100 metros livre, vencida pela australiana Cate Campbell em 51s31. Etiene Medeiros foi a oitava nos 100 metros costas, com 59s74. A ucraniana Daryna Zevina ganhou com a marca de 56s87. Assim, o Brasil terminou a sua participação em Tóquio com cinco medalhas, sendo uma de ouro, duas de prata e duas de bronze. No sábado, Etiene Medeiros foi ouro nos 50 metros costas, Nicholas dos Santos faturou a prata nos 50 metros borboleta e a equipe do País garantiu o bronze no 4x50 metros medley misto. A oitava e última etapa da Copa do Mundo de Natação será disputada na próxima semana, na quarta e quinta-feira, em Pequim na China.