Djokovic vence, segue invicto e buscará tri contra Nadal

Na decisão, Djokovic tentará passar por um Nadal que já assegurou a liderança do ranking mundial até o final desta temporada

iG Minas Gerais | agência estado |

O sérvio Novak Djokovic venceu o suíço Stanislas Wawrinka por 2 sets a 0, com duplo 6/3, neste domingo à noite, em Londres, e garantiu vaga na decisão do ATP Finals, torneio que reúne os melhores tenistas da temporada. Com o resultado, o vice-líder do ranking mundial assegurou a sua quarta vitória em quatro jogos nesta edição do torneio e jogará pelo título nesta segunda-feira, a partir das 18 horas (de Brasília), contra o espanhol Rafael Nadal, que na outra semifinal do dia bateu o suíço Roger Federer, também por 2 sets a 0. Na decisão, Djokovic tentará passar por um Nadal que já assegurou a liderança do ranking mundial até o final desta temporada e que também acumulou quatro triunfos em quatro partidas neste ATP Finals. Atual campeão do importante evento que fecha a temporada, Djokovic também tentará conquistar o seu terceiro título da competição, sendo o segundo seguido de forma invicta. O sérvio também se sagrou campeão do torneio dos melhores da temporada em 2008. Neste domingo, Djokovic precisou de uma hora e 25 minutos para confirmar o seu favoritismo diante de Wawrinka, atual oitavo tenista da ATP. No primeiro set, ele chegou a ter o saque quebrado pela suíço uma vez, mas converteu dois de três break points para assegurar a vantagem de 6/3. Já na segunda parcial, com mais duas quebras, desta vez em sete oportunidades, e sem ter o seu serviço ameaçado, o sérvio repetiu o 6/3 que liquidou o confronto. Favorito na final, Nadal ganhou 22 dos 38 confrontos que travou com Djokovic até hoje no circuito profissional, mas o sérvio levou a melhor no último deles, no mês passado, em Pequim, logo depois de perder a liderança do ranking para o espanhol.

Leia tudo sobre: nadaltênis