Vasco empata com Santos e deixa a zona da degola

Time carioca reagiu no segundo tempo e é o primeiro fora do rebaixamento

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

O Vasco chegou a estar perdendo por 2 a 0, mas reagiu e buscou o empate por 2 a 2 com o Santos, neste domingo, no Maracanã, e deixou a zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro, já que o Fluminense perdeu para o Corinthians em outro jogo da noite e foi ultrapassado pelos vascaínos. O "apagão" do Vasco, que permitiu ao Santos abrir dois gols de vantagem, durou apenas alguns minutos do primeiro tempo. Não fosse um gol de Edmilson, logo após o segundo gol santista, e a história da partida poderia ser outra. Mesmo estando atrás no placar, o Vasco seguiu com determinação em busca do empate, somente alcançado aos 32 minutos da última etapa. Com o resultado, o Vasco foi a 37 pontos, um acima do Fluminense e passou a ocupar a 16.ª colocação. O Santos, por sua vez, soma 45 pontos e continua em 9º na tabela. O próximo compromisso do Vasco pelo Campeonato Brasileiro será quarta-feira, contra o Grêmio, na casa do adversário. Na quinta-feira, o Santos recebe o Bahia no Estádio do Pacaembu. O JOGO - O Vasco entrou em campo com disposição para vencer - e tentar sair da zona de rebaixamento. Em menos de cinco minutos, a equipe carioca já havia assustado os visitantes com seu jogo rápido e sua torcida, que compareceu em peso ao Maracanã. Só que essa ânsia pelo gol acabou custando caro. Rapidamente, percebia-se que os donos da casa estavam afobados, errando passes e finalizações. O Santos se aproveitou disso para crescer. Sua primeira chance apareceu aos 10 minutos, em contra-ataque armado por William José e Arouca. Doze minutos depois, Bruno Peres avançou pelo meio e, com um chute preciso no ângulo, encobriu Alessandro, abrindo o marcador, para desespero dos 50 mil torcedores presentes. Quatro minutos depois, Gustavo Henrique deixou a situação ainda mais azeda para o Vasco, ao subir e cabecear a bola de falta cobrada por Montillo para as redes adversárias. O 2 a 0 poderia ser encarado como mais uma derrota pelo Vasco, mas um gol de Edmilson aos 28 minutos renovou as esperanças da equipe. O jogador se aproveitou da bola levantada na área e, após uma primeira tentativa, pegou o rebote para marcar no ângulo. O gol deixou o time vivo na disputa, mesmo estando atrás no placar, que permaneceu assim até o intervalo. Na volta dos vestiários, o Vasco era mais forte em campo, mas, diferentemente das jogadas desesperadas da primeira etapa, agora estudava melhor as possibilidades antes de partir para cima. Aos 24 minutos, por exemplo, levou grande perigo ao Santos. André ganhou de Gustavo Henrique, errou no cruzamento, mas a bola encontrou Jhon Cley, que chutou bem próximo à meta de Aranha. Eram, na verdade, apenas os estudos para o segundo gol da equipe carioca, que saiu aos 32 minutos. André recebeu na entrada da área, tabelou com Edmilson e chutou no canto direito de Aranha para empatar o jogo. O Vasco continuou pressionando em busca do terceiro gol, mas a partida acabou mesmo em 2 a 2.

Leia tudo sobre: vascosantosmaracanãgolrebaixamentobrasileirãogolsandréempateedmilson