Blur, Beck e Lana Del Rey fazem shows históricos no Planeta Terra

As mais aguardadas atrações do festival não desapontaram os fãs; festival contou com ecletismo do britpop, hits de Michael Jackson e um público com flores no cabelo

iG Minas Gerais | Thiago Pereira/Guilherme Ávila |

Time For Fun/Divulgação
O Blur fez um show cheio de sucessos e conquistou o público do Planeta Terra
Diante de intenso calor, superior a 30°, um público de aproximamente 20 mil pessoas acompanhou o Festival Planeta Terra neste sábado (9), no Campo de Marte, em São Paulo. O evento reúne artitas de relevo no mundo pop, como os britânicos Blur e Travis; a cantora Lana Del Rey, o cantor norte-americano Beck, entre outras atrações. Para aliviar a temperatura, os banheiros disponibilizaram "torneirões", e óculos escuros estão sendo distribuidos por um dos patrocinadores.   O festival começou com a apresentação dos paulistanos do O Terno, que fizeram uma perfomance elogiada, mesmo que vista por poucas pessoas. Na sequência foi a vez de Clarisse Falcão, uma das atrações mais esperadas pela parcela teen da plateia, promover coros e gracinhas em seu show, que contou com muito bate papo entre ela e a plateia. No outro palco, BNegão e os Seletores de Frequência fizeram uma ótima apresentação, com direito à temas políticos (com críticas às Polícia Militar) e o habitual suingue que o músico impõe em boa canções como "Enxugando gelo" e "O Processo é lento".   A primeira atração internacional a se apresentar no festival foram os britânicos do Palma Violets, que não comoveram o público com seu som derivado do punk do final dos anos 1970, uma apresentação barulhenta mas esquecível, a despeito do razoável disco de estreia do grupo. O Travis corrigiu a rota da boa música no festival e aproveitou o público mais tranquilho, com o sol baixando um pouco. Hits como "Side", "Sing" e "Driftwood" inspiraram coros e mãos estendidas, aos comandos do simpatissímo vocalista Fran Healy.   O festival contou com o esperadíssimo show de Lana Del Rey, que trouxe um bom fã clube para sua apresentação. Muitas garotas trajando coroas de flores na cabeça, como uma tiara, em homenagem à musa. O público mais veterano esperou ansiosamente os shows de Beck e Blur. A apresentação do norte-americano Beck surpreendeu a platéia e fez a alegria dos "noventistas" com ecletismo e hits de Michael Jackson. Já os ícones do britpop do Blur ofereceram um show histórico, com direito a pulos e gritos que o momento merecia, fechando uma noite inesquecível.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave