A hora é de festa

iG Minas Gerais |

Pintou o campeão brasileiro nas cores branca e azul. O momento não é de comparação e muito menos de tentar entender o que levou este time tão rápido ao título. A hora é de comemorar. Usar a camisa, desfraldar a bandeira, soltar o grito de campeão. Andar com orgulho, olhar pra cima e sentir o doce sabor de ser o melhor do Brasil. Os que não esperavam, estão surpresos, mas felizes. Os que não acreditaram, estão arrependidos, mas igualmente felizes. A nação cruzeirense se uniu em torno de um time que estava em formação. Depois de dois anos lutando para não cair, mudar a diretoria, trocar praticamente todos os jogadores, um novo Cruzeiro surgiu. Liderou o Mineiro e deixou o título escapar. Encarou um início de Brasileiro sem despertar atenção e nem mesmo foi lembrado para brigar pelo título. A vaga na Libertadores já era, para muitos, uma conquista. O torcedor despertou e decidiu ocupar a nova casa, abraçar o time e acreditar. O cruzeirense percebeu, que, mesmo com algumas limitações, esse time estava nascendo para vencer. A diretoria planejou e se preparou para vencer e, dentro de campo, os jogadores mostraram que a vontade supera a desconfiança. Como diz meu amigo Pequetito, é Cruzeiroooo, é Cruzeiroooo, é Cruzeiroooo. Moda azul . A nova mania do torcedor do Cruzeiro se espalhou rapidamente. Já é bem comum encontrar amigos fazendo churrasco ao redor do Mineirão em dias de jogos. Qualquer espaço serve. Na calçada, no estacionamento, entre os carros e nas ruas próximas. Onde tem sombra, de preferência, lógico. Domingo vai ser uma festa. Tem gente querendo começar as 10h. Dia perfeito. Por falar em churrasco, neste sábado, acontece o encontro anual da Confraria Celeste, capitaneada pelo grande João do Chapéu. Trata-se de um seleto grupo de cruzeirenses que não perde a pose e nem a alegria de viver e comemorar os bons momentos da vida. Desde que o motivo seja o Cruzeiro, lógico. Neste ano, acertaram até na data. Frutos. Quando o trabalho é bem feito e os resultados acontecem, todo mundo se projeta. O gerente de marketing do Cruzeiro, Marcone Barbosa, e o diretor de futebol, Alexandre Mattos, estão entre os melhores do Brasil em 2013. Eles concorrem ao prêmio Brasil Sports Market, realizado pela Pluri Consultoria e pela Trevisan Escola de Negócios. O resultado sai em março. Quase. Minas Gerais escolheu os seus embaixadores para a Copa de 2014. Um grupo recheado de talento. Jogadores que fazem e que fizeram a história do futebol mineiro. A música, hum..., confesso que esperava mais. Até pela dupla de craques que a compôs. Ficou muito 14 bis, difícil de cantar e sem apelo para a festa do futebol. Não vai cair na boa da torcida.  

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave