‘Vovó do pó’ é investigada

MAcusada de envolvimento com o tráfico, aposentada de 95 anos foi detida duas vezes em uma semana

iG Minas Gerais | Jhonny Cazetta |

Reprodução/Youtube
Dona Maria Josina Linhares aparece em vídeo em que usuários são detidos pela PM
Conhecida como “vovó do pó”, a aposentada Maria Josina Linhares, de 95 anos de idade, está sendo investigada pela Polícia Civil de Lagoa Formosa, no Alto Paranaíba, por envolvimento no tráfico de drogas. A casa de Josina é o principal ponto de usuários de entorpecentes da cidade e, inclusive, é o primeiro local de visita durante buscas policiais por infratores. “Quando estamos com alguma ocorrência e precisamos encontrar algum suspeito, o primeiro local que visitamos normalmente é a casa dela, pois na maioria das vezes é lá que eles estão”, disse o delegado Érico Henrique Rodovalho. Segundo ele, não é somente a vovó que está sendo investigada. “Também os outros moradores da casa, que é a neta dela e o namorado da garota”, completou o responsável pelas investigações. Em menos de uma semana, desde sábado passado, dona Josina já foi parar na delegacia duas vezes. Na primeira, ela foi detida pela Polícia Militar (PM) por receptação de material roubado, uma vez que teria recebido a mercadoria em troca de drogas. “Os produtos foram encontrados na casa dela logo após um assalto no comércio local. Os autores usaram a mercadoria para comprar as substâncias”, afirmou o sargento Gilson Ferreira. Na outra ocasião, a “vovó do pó” foi detida após um homem sair da casa dela portando maconha. “No local, foi apreendido um tablete da substância e também uma balança de precisão, o que configura mais uma vez que realmente ali existe o tráfico. Ela (a aposentada) não é única a fazer isso, mas é a matriarca da família e está envolvida diretamente nas ações”, acrescentou Ferreira. Apesar das prisões, a aposentada seguirá em liberdade durante as investigações. Além dos crimes de tráfico e receptação, ela também pode ser indiciada por corrupção de menores, uma vez que a casa é frequentada por adolescentes.   Drogas De acordo com a polícia, são vendidos na casa da acusada maconha, crack e cocaína. Há um vídeo no YouTube que mostra a aposentada junto com usuários de drogas.      

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave