Ruas receberão 1 mi de pessoas

Responsável pela previsão, Belotur garante que falhas de infraestrutura não vão se repetir

iG Minas Gerais | Luiza Muzzi |

ANGELO PETTINATI - 11.2.2013
Superação. Bloco Baianas Ozadas, que esperava até mil pessoas, recebeu quase 20 mil integrantes
Belo Horizonte se prepara para receber, no próximo ano, aquele que deve ser o maior Carnaval de sua história. A estimativa da Empresa Municipal de Turismo de Belo Horizonte (Belotur) é que ao menos um milhão de pessoas lotem as ruas nos cinco dias da festa, em março de 2014 – o dobro do público deste ano. A notícia, porém, é recebida com desconfiança por alguns frequentadores do Carnaval, que temem a repetição de problemas de infraestrutura vistos em 2013. A Prefeitura de Belo Horizonte (PBH) garante que está se preparando para receber tanta gente com a infraestrutura necessária. “O último Carnaval foi uma grande surpresa para todo mundo, até mesmo para os blocos de rua. Mas agora estamos nos preparando com antecedência, para não faltar organização”, afirmou o diretor de operações e eventos turísticos da Belotur, Luiz Felipe Barreto. Segundo ele, a preparação começou logo após o fim do último Carnaval, em todos os setores. “As pessoas estão animadas para curtir as ruas, e isso é bacana porque facilita o diálogo com todos os interessados – foliões, moradores e órgãos de segurança”, destacou. “A única surpresa vai ficar por conta da chuva”, brincou. Melhorias. Quem participa do Carnaval em Belo Horizonte espera que as promessas não fiquem apenas no papel. Logo após o evento deste ano, 55 blocos assinaram uma carta reivindicando melhorias, como instalação de mais banheiros e lixeiras maiores, apoio efetivo da Empresa de Transportes e Trânsito de Belo Horizonte (BHTrans), policiamento preparado e liberação de vendedores ambulantes, entre outras questões. Após a entrega da carta, foram realizadas três audiências públicas na Câmara Municipal e cinco reuniões na sede da Belotur. Produtora do bloco Baianas Ozadas, Renata Chamilet participou dos encontros e está otimista. “Tenho expectativa boa para o ano que vem. Tanto as autoridades quanto os foliões já entenderam que Belo Horizonte tem Carnaval e abraçaram essa ideia. Quando todo mundo tem vontade de acertar, já é metade do caminho andado”, afirmou. Já o folião Rafael Barros, que acompanha o Carnaval de Belo Horizonte desde 2010, não vê as promessas com bons olhos. “Esse discurso é irresponsável e espetacular. Duvido que a Belotur consiga de fato se preparar para uma festa dessa magnitude”, criticou. Integrante do bloco Estabeleça, Francisco Foureaux afirma que muitos blocos não estão sendo consultados pelo poder público e vão continuar se organizando de maneira autônoma. Dados sobre a festa Público. Em 2013, 500 mil pessoas participaram do Carnaval na capital. Em desfile de alguns blocos, os foliões superaram em mais de 1.000% a estimativa. Surpresa . Foi o caso do bloco Baianas Ozadas, que desfilou no centro. O grupo previa receber até mil pessoas, mas contou com quase 20 mil integrantes, o que provocou alteração de última hora no trajeto do desfile. “Belo Horizonte vive um novo momento do Carnaval, em que a pessoa se torna mais que um simples folião, mas um personagem correalizador do evento”, afirmou um dos fundadores do grupo, Geo Cardoso. Estimativa. A expectativa da Belotur é que neste ano o número de participantes do Carnaval de Belo Horizonte chegue a um milhão de pessoas, o dobro de 2013. Blocos . A estimativa da Belotur é que 200 blocos sejam cadastrados para 2014. Neste ano, foram 72. Santa Tereza . O bairro Santa Tereza, na região Leste da capital, foi um dos que mais sofreu impactos negativos com o Carnaval de 2013. Como a maioria dos blocos desfilou durante o dia, muitas pessoas se deslocavam até o bairro à noite, para continuar a festa. Insatisfeitos com barulhos e sujeira, moradores estão se articulando para limitar o número de foliões em 2014. Belotur prevê que blocos vão triplicar A Belotur estima que, no Carnaval de 2014, o número de blocos de rua cadastrados triplique em relação aos 72 de 2013. Interessados em participar devem preencher gratuitamente formulário na internet, com informações sobre previsão de público e trajeto. Segundo a Belotur, a logística será menos burocrática que nesse ano, já que a prefeitura fará todos os processos de licenciamento e liberação de documentos junto a órgãos de segurança, limpeza urbana e trânsito. O formulário ainda não está disponível. Mais informações serão divulgadas até o próximo dia 18.  

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave