MG tem maior taxa de tráfico

Estado teve 122,2 registros policiais de venda de drogas por 100 mil pessoas, mais do que São Paulo

iG Minas Gerais | Luciene Câmara |

Minas Gerais é o Estado que teve o maior número de ocorrências policiais por tráfico de drogas do país no ano passado, proporcionalmente ao tamanho da sua população. Foram 122,2 registros para cada grupo de 100 mil habitantes, de acordo com o 7º Anuário Brasileiro de Segurança Pública. São Paulo, que vem em segundo no ranking, tem taxa de 98,1.   O estudo compara dados de 2011 e 2012, período em que houve um aumento de 17% na quantidade de ocorrências policiais relacionadas ao tráfico de drogas no Estado. Foram 20.730 no primeiro ano, contra 24.272. A taxa por 100 mil habitantes, que era de 105,1 (a maior também em 2011), saltou para 122,2. “Os números indicam que o tráfico é um grave problema em Minas e que o crime vem sendo tratado como prioridade pelas polícias”, disse o sociólogo Luís Sapori. A secretária adjunta de Defesa Social do Estado, Cássia Gontijo, analisou os dados de forma positiva. “Mostra que as polícias estão agindo de maneira mais intensiva”, afirmou. Por outro lado, as ações ainda não impactaram na redução da violência, segundo o Anuário. O tráfico de drogas é atribuído como causa para boa parte dos homicídios dolosos (com intenção de matar), que tiveram aumento de 7,4%. “É sinal de que as ações não estão tendo resultado na contenção da violência urbana. Prender o pequeno traficante só enche cadeia, é preciso focar nas grandes facções”, concluiu Sapori. Saiba mais Registros . O Rio de Janeiro aparece em 15º no ranking de 2012, com 37,7 registros de tráfico de drogas. O estudo é feito pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública (FBSP).

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave