México e Nigéria vencem Argentina e Suécia, e decidem o Mundial Sub-17

Após eliminar o Brasil, seleção mexicana eliminou mais um selecionado tradicional e chega com status de favorita contra as Super Águias

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

REPRODUÇÃO/FIFA
México é o atual campeão e chega como favorito, mas foi goleado pela Nigéria na fase de grupos
As seleções do México e da Nigéria vão disputar na próxima sexta-feira a final do Mundial Sub-17, que está sendo realizado nos Emirados Árabes Unidos. Nesta terça-feira, as duas equipes se classificaram para a final com vitórias sobre a Argentina e a Suécia, respectivamente, ambas por 3 a 0. Em Abu Dabi, o México levou sustos antes de garantir o triunfo sobre a Argentina. A seleção sul-americana desperdiçou um pênalti com Sebastián Driussi logo no começo da partida, defendido pelo goleiro Raul Gudiño, um dos responsáveis pela eliminação do Brasil nas quartas de final. Depois, a seleção mexicana abriu 2 a 0 na etapa inicial com os gols de Ivan Ochoa, aos 5 e 21 minutos. O terceiro gol saiu aos 41 minutos do segundo tempo e foi marcado por Marco Granados. Na outra semifinal, em Dubai, a Nigéria ficou em vantagem diante da Suécia aos 21 minutos do primeiro tempo, com o gol de Awoniyi. Os outros dois gols da seleção africana na partida, apitada pelo brasileiro Heber Roberto Lopes, saíram na etapa final e foram marcados por Okon e Ezeh, aos 35 e aos 36 minutos. As duas seleções tinham se enfrentado na fase de grupos, com empate por 3 a 3, mas agora a Nigéria se deu melhor. O México é o atual campeão do Mundial Sub-17, mas terá que superar a recente derrota para a Nigéria. Na primeira rodada do Grupo F, no dia 19 de outubro, os nigerianos golearam os mexicanos por 6 a 1. Depois, as seleções avançaram na competição e agora se reencontram na final, marcada para a próxima sexta-feira, às 14 horas (de Brasília), em Abu Dabi. Além de defender o título de 2011, a seleção do México tentará conquistar o seu terceiro título do Mundial Sub-17 - também foi campeã em 2005. Já a Nigéria buscará se isolar do Brasil e se tornar o maior vencedor da competição, com quatro conquistas - a equipe faturou os títulos das edições de 1985, 1993 e 2007.

Leia tudo sobre: futebolesportemexiconigeriamundial sub-17argentinasuecia