Alessandro admite decepção com campanha e temporada do Corinthians

Para o lateral-direito, o Timão deveria estar no mínimo na zona de classificação para a Libertadores

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

Reprodução/Youtube
Para o jogador, a torcida está cobrando apenas o que time pode dar dentro de campo
A decepção dos torcedores com o segundo semestre corintiano, no qual a equipe foi eliminada da nas quartas de final da Copa do Brasil e tem chances apenas matemáticas de conseguir no Brasileirão uma vaga para a Copa Libertadores do ano que vem, é compartilhada pelos jogadores do elenco. Em entrevista coletiva nesta terça-feira, no CT Joaquim Grava, o lateral e capitão Alessandro avaliou que o Corinthians deveria estar na zona para classificação para a competição continental. "Podíamos estar no mínimo por uma zona de Libertadores. Pelo que construímos nos últimos anos. Estamos decepcionados com nossa campanha. A gente não esperava estar em uma posição tão ruim assim, pelo elenco, planejamento... Era para estar bem melhor mesmo", disse Alessandro, lembrando que o Corinthians está em 12º lugar no Brasileirão, com 42 pontos (está 11 atrás do quarto colocado Botafogo). Nesse contexto, os 15 empates que o time acumula no Campeonato Brasileiro justificam os protestos da torcida, na opinião do lateral. "Não estão cobrando aquilo que não podemos dar. É normal cobrar mais forte, já tive meu nome em faixas. Já passei por isso. A gente lá dentro divide as responsabilidades. Se eles xingam um, xingam todos. Estamos juntos dentro de campo. O sentimento deles é o mesmo que o nosso", afirmou Alessandro. Apesar da fraca campanha, Alessandro acredita que o time pode fazer nos seis jogos que faltam tudo aquilo que não foi feito no restante do Brasileirão - o primeiro desses compromissos será contra o Fluminense, domingo, em Araraquara, no interior de São Paulo. "Eu acredito que possamos conquistar seis vitórias. Não é impossível. Estamos evoluindo nos últimos jogos. A defesa é sólida e faltam detalhes para conseguirmos os resultados. Podemos dar uma virada a partir da próxima partida", prometeu o lateral.

Leia tudo sobre: futebolesportealessandrocorinthiansdecepcao