Servidores municipais de BH terão que prestar contas anualmente

Segundo publicação no Diário Oficial do Município, servidores e agentes públicos deverão declarar seus bens a partir do ano que vem

iG Minas Gerais | LUCAS PAVANELLI |

A Prefeitura de Belo Horizonte irá monitorar a evolução de patrimônio tanto de servidores quantos de agentes públicos. A medida foi publicada do Diário Oficial do Município desta terça-feira (5) e estabelece que, a partir do ano que vem, todos os funcionários da prefeitura devem preencher uma declaração de bens, informando detalhes como número de imóveis, móveis, rebanho, dinheiro, títulos, ações, investimentos financeiros, participações societárias e outros tipos de patrimônio. As declarações devem ser preenchidas todos os anos entre 1º de abril e 31 de maio por meio de uma ferramenta eletrônica que vai ser desenvolvida pela Empresa de Informática e Informação da Prefeitura de Belo Horizonte (Prodabel). Conforme o decreto assinado pelo prefeito Marcio Lacerda (PSB), servidores prestes a se aposentarem ou que estão deixando a administração pública devem atualizar os dados antes de deixarem suas funções. As informações que constarem no formulário são sigilosas e só podem ser consultadas por servidores da Secretaria Especial de Prevenção da Corrupção ou por pedido do Judiciário.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave