Lavrador leva tapa na cara e mata patrão com 30 golpes de machado

Suspeito tinha sinais de embriaguez e esperou a polícia chegar no local do crime

iG Minas Gerais | CAROLINA CAETANO |

Uma briga entre patrão e empregado terminou em morte, nessa segunda-feira (4), em Veríssimo, no Triângulo Mineiro. O lavrador teria se vingado da vítima após levar um tapa na cara há cerca de dois meses. De acordo com a Polícia Militar de Uberaba, na mesma região, Adaildo José da Costa Barbosa, de 35 anos, agrediu Dorival Ferreira dos Santos, de 49, enquanto ele dormia dentro da  carvoaria, que fica localizada na altura do KM 842 da BR-262, na região de Velha de Baixo. Quando um outro funcionário chegou, viu a patrão com a cabeça ferida. Ele teria perguntado ao suspeito o que tinha acontecido. Barbosa contou que, além de ter sido agredido por Santos, o patrão ainda lhe devia dinheiro. Para se vingar, ele resolveu atacar a vítima, que foi golpeada cerca de 30 vezes na cabeça. Após a confissão, a testemunha acionou a polícia e uma ambulância, mas a vítima já estava morta. O homem foi preso ainda no local do crime e apresentava sinais de embriaguez. Ele foi levado para a delegacia de Uberaba e está à disposição da Justiça. 

Leia tudo sobre: PATRÃOMACHADOVERÍSSIMO