Treinador deixa estádio em ambulância e Texans levam virada dos Colts

Equipe de Houston vencia a partida na saída do intervalo, mas acabou perdendo sexta seguida após inúmeros erros e ausência do comandante à beira do campo

iG Minas Gerais | JOSIAS PEREIRA |

Página Oficial/Facebook/NFL
Com três passes para TD no segundo tempo, Andrew Luck comandou vitória dos Colts sobre os Texans, em Houston
Iniciada na última quinta-feira com a vitória do Miami Dolphins sobre o Cincinnati Bengals por 22 a 20, a semana 9 da NFL teve prosseguimento neste domingo com mais 11 jogos. Os grandes destaques ficaram por conta da vitória de virada dos Colts sobre os Texans, por 27 a 24, em um jogo cercado por um grande teor emocional, além de um incontestável triunfo dos Patriots sobre os Steelers por 55 a 31, e a manutenção da invencibilidade do Kansas City Chiefs, que bateu o Buffalo Bills por 23 a 13 e chegou à sua nona vitória consecutiva na temporada. Andrew Luck comanda virada heróica dos Colts sobre os Texans Na saída para o intervalo, o placar do Reliant Stadium, em Houston, no Texas, apontava 21 a 3 para a equipe da casa. A vitória dos Texans estava encaminhada. Com uma defesa dominante, parecia pouco provável que os Colts conseguiriam contornar a situação. No entanto, eis que surge o imponderável, o inacreditável. Uma queda na sideline e todas as atenções, de repente, se voltam para o treinador Gary Kubiac. Nos Texans desde 2006, o comandante de 52 anos passou mal durante o intervalo de jogo, desmaiou no campo e precisou deixar o estádio em uma ambulância. Em entrevista à NBC, o general manager da equipe de Houston, Rick Smith, garantiu que o treinador não sofreu um ataque cardíaco. "Ele apenas se sentiu mal, estava bastante tonto e não conseguiu ficar de pé. No hospital, ele foi avaliado por uma série de especialistas. Ele está bem, consciente e falando tudo com clareza", declarou. Kubiac não foi o único treinador da NFL que precisou de cuidados médicos neste fim de semana. O técnico do Denver Broncos, Jon Fox apresentou um quadro de tontura enquanto jogava golfe e precisou ser hospitalizado na Carolina do Norte. O Head Coach passará por uma cirurgia de substituição da válvula aórtica e a expectativa é que ele seja afastado do cargo por algumas semanas. Voltando ao jogo. Coincidência ou não, depois do triste episódio envolvendo Kubiac, os jogadores dos Texans parecem ter sentido a falta do treinador à beira do campo. A equipe, imponente em seu sistema defensivo, apresentou um quadro de queda emocional bastante acentuado no segundo tempo. Os Colts, sem nada a ver com isto, aproveitaram. Andrew Luck conectou três passes para touchdown diretamente nas mãos de T.Y.Hilton, e comandou uma virada impressionante no marcador. Sem forças, os Texans, que foram mais uma vez liderados pelos quarterback reserva Case Keenum, ainda tiveram a chance de empatar a partida, no entanto, o kicker Randy Bullock acabou não concluindo um Field Goal de 55 jardas. Resultado final: 27 a 24. Esta foi a sexta derrota consecutiva dos Texans, que iniciaram a temporada com duas vitórias e sonhando com o Super Bowl. Além de vencer um adversário direto em sua divisão, os Colts chegaram ao sexto triunfo em oito partidas e permanecem na liderança isolada da AFC Sul. Com o bom rendimento e vitórias importante sobre rivais de peso, a equipe desponta como uma grande candidata a assegurar uma vaga nos Playoffs nas próximas semanas. Patriots atropelam e Kansas City permanece imbatível Atuando em Foxborough, no Gillette Stadium, os Patriots não tiveram dó dos Steelers. Tom Brady foi o grande nome da vitória por 55 a 31 dos donos da casa ao lançar para 432 jardas e conectar quatro touchdowns. Para se ter ideia dos números impressionantes desta partida, na virada do intervalo, o camisa 12 dos Patriots já havia lançado para 253 jardas, mais do que ele havia feito em cinco dos outros oito jogos da equipe na temporada. Os 55 pontos ainda foram o maior placar da NFL nesta temporada, o que comprova a superioridade da equipe da casa sobre os Steelers, que chegaram ao sexto tropeço. Já os Chiefs, do treinador 'bigode grosso' Andy Reid, foram até Orchard Park e conquistaram mais uma vitória na temporada, desta vez por 23 a 13, graças aos seguidos erros ofensivos do Buffalo Bills. A equipe da casa esteve bem perto de acabar com a invencibilidade de Kansas, mas acabou caindo nos turnovers. Apesar das 229 jardas lançadas e um touchdown, o quarterback dos Bills Jeff Tuel foi interceptado em duas oportunidades, em uma delas, o cornerback Sean Smith retornou para um touchdown de 100 jardas. Com nove vitórias em nove jogos, os Chiefs seguem isolados na liderança da divisão oeste da AFC. Já os Bills, com três vitórias e seis derrotas, figuram em último na divisão leste da Conferência Americana. Resultados de domingo: Kansas City Chiefs 23 x 13 Buffalo Bills - Ralph Wilson Stadium Minnesota Vikings 23 x 27  Dallas Cowboys - AT&T Stadium San Diego Chargers 24 x 30 Washington Redskins - FedEx Field Atlanta Falcons 10 x 34 Carolina Panthers - Bank of America Stadium Tennessee Titans 28 x 21 St. Louis Rams - Edward Jones Dome New Orleans Saints 20 x 26 NY Jets - MetLife Stadium Tampa Bay Buccanneers 24 x 27 Seattle Seahawks - CenturyLink Field Philadelphia 49 x 20 Oakland Raiders - O.co Coliseum Baltimore Ravens 18 x 24 Cleveland Browns - FirstEnergy Stadium Pittsburgh Steelers 55 x 31 New England Patriots - Gillette Stadium Indianapolis Colts 27 x 24 Houston Texans - Reliant Stadium Segunda-feira, 4 de Novembro Chicago Bears x Green Bay Packers -  23:30 (de Brasília) - Lambeau Field, em Green Bay - ESPN, ESPORTE INTERATIVO ·Descansaram na semana 9: Denver, Detroit, NY Giants, Arizona, San Francisco, Jacksonville

Leia tudo sobre: Texanscoltstecnicoambulancianflfutebol americano