Roger Federer recebe três prêmios no ATP Awards

Tenista foi o melhor no quesito esportividade, foi eleito o favorito dos torcedores e recebeu o Prêmio Humanitário

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

REPRODUÇÃO/WIMBLEDON
Federer foi derrotado por ucraniano com parciais de 6/7 (5/7) 7/6 (7/5), 7/5 e 7/6 (7/5)
Roger Federer foi o maior destaque na lista de premiados anunciados pela ATP nesta segunda-feira. Mesmo longe de sua melhor fase, o suíço foi agraciado com três honrarias, enquanto o rival Rafael Nadal ganhou o prêmio de Melhor Retorno do Ano. O espanhol ainda pode finalizar o ano com o troféu de número 1 do mundo. Federer foi escolhido pelos colegas tenistas para receber o Stefan Edberg Sportsmanship Award, prêmio de esportividade, pela nona vez. Pelos fãs, foi eleito o favorito dos torcedores, na honraria ATPWorldTour.com Fans' Favourite, pela 11ª vez consecutiva. O suíço de 32 anos levou ainda o Prêmio Humanitário Arthur Ashe do ano por causa do trabalho de sua fundação com crianças na África e na Suíça. Dono de diversos recordes dentro de quadra, Federer ostenta também a maior marca de prêmios da ATP, com 27 troféus. Nadal, por sua vez, tornou-se o primeiro tenista a levar prêmios em todas as categorias da ATP ao ser eleito o Melhor Retorno do Ano. O espanhol já havia sido escolhido a revelação do ano, em 2003, e a maior evolução, em 2005. Também levara o prêmio de esportividade Stefan Edberg, em 2010, e o Prêmio Humanitário Arthur Ashe, em 2011. Eleito pelos jogadores, Nadal conquistou o prêmio por causa da sua incrível volta ao circuito neste ano. Após ficar afastado por sete meses, em razão de problemas físicos, ele faturou 10 títulos, em 13 finais, com direito a dois troféus de Grand Slam. Tal arrancada levou o espanhol novamente ao topo do ranking. Se vencer dois jogos no ATP Finals, nesta semana, garantirá o número 1 no fim da temporada pela terceira vez na carreira (2008 e 2010). Nas duplas, os irmãos norte-americanos Bob e Mike Bryan levaram o prêmio de melhor parceria do ano pela quinta vez seguida, por encerrarem a temporada no topo. Foram ainda escolhidos a dupla favorita dos torcedores. Entre outras premiações, o checo Jiri Vesely foi eleito a revelação do ano - a honraria ganhou o nome de "Estrela de Amanhã" - e o espanhol Pablo Carreño Busta, a Maior Evolução no Ano.

Leia tudo sobre: atp awardstênisfederernadalprêmiosfãsprêmio huminanitárioesportividade