Valorizado, Everton Ribeiro vislumbra permanência no Cruzeiro

Próximo do título nacional, o jogador também revelou a ansiedade dos atletas celestes, que contam as horas para poder soltar o grito de campeão

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

Washington Alves/VIPCOMM
Nike aumenta cota de patrocínio de Everton Ribeiro, tido como um dos melhores jogadores do Brasileirão deste ano
Com boas atuações pelo Cruzeiro, o meia Everton Ribeiro vem chamando atenção por conta do futebol vistoso, dos dribles rápidos e belos gols com a camisa celeste. Nesse último domingo, ele deixou a sua marca na vitória sobre o Santos por 1 a 0, resultado que colocou a Raposa ainda mais perto da taça de campeão brasileiro. Um simples triunfo sobre o Grêmio no próximo domingo e um tropeço do Atlético-PR contra o São Paulo poderão sacramentar a conquista com cinco rodadas de antecedência. Com tanta visibilidade e o status de craque do torneio nacional, os questionamentos quanto a sua permanência no Cruzeiro em 2014 se intensificaram. Apesar do assédio, o jogador está tranquilo e tratou de afirmar que quer permanecer no clube celeste no próximo ano. "Continuo no Cruzeiro. Tenho mais três anos de contrato. A equipe deve se reforçar ano que vem, já que tem Libertadores. Espero fazer parte desse grupo. No começo do ano tive uma proposta da Rússia, tinha acabado de chegar, não tinha nem condições (de sair). E agora, teve essa do Catar foi muito tentadora, tanto para o Cruzeiro quanto para mim. Mas optei por continuar porque tinha a chance de ser campeão. O que agora pode se concretizar no próximo jogo. Creio que foi a opção mais correta", declarou Everton Ribeiro, em entrevista ao programa Arena SportTV. Próximo do título nacional, o jogador também revelou a ansiedade dos atletas celestes, que contam as horas para poder soltar o grito de campeão. Apesar disto, Everton está ciente de que a equipe precisa manter a mesma determinação e os pés no chão para confirmar a iminente conquista. "Conversamos muito. Sabemos que estamos muito perto de conquistar o título. Sabemos o que temos que fazer. Antes do jogo dá aquela ansiedade, procuramos conversar sempre para acertar o que temos que fazer para sairmos vitoriosos e campeões", completou o jogador.