“Todos os Rotarianos, Todos os Anos”

iG Minas Gerais |

Como novembro é o mês da Fundação Rotária, é sempre bom lembrarmos que ela existe para fazer o bem. Por não ser uma entidade filantrópica, o Rotary International usa a Fundação Rotária para implementar projetos humanitários de combate à pobreza e à fome, de melhoria das condições de saúde e educação, e de proteção ao meio ambiente. Fundada em 1917 por Arch Klump, a Fundação Rotária é o braço financeiro do Rotary. Apesar da insistência e do já histórico pedido de contribuições à Fundação Rotária, a decisão é de cada um de nós, sócios dos nossos Rotary Clubes, e é totalmente voluntária. Ninguém no Rotary obriga alguém a contribuir com qualquer valor para a Fundação Rotária. O convite “Todos os Rotarianos, Todos os Anos” é um simples slogan, um lembrete, uma maneira de motivar os rotarianos e rotarianas do mundo a contribuir. Seria interessante cada distrito motivar os clubes, de forma uniforme e mínima, a contribuir para a Fundação Rotária. Sabemos que no Rotary temos companheiros de todos os níveis econômicos. Muitos poderão alegar que os custos do Rotary já são demasiadamente elevados, e mais esse encargo seria contraproducente, porque aumentaria a evasão em nossos clubes. Os reais e obrigatórios custos de afiliação ao Rotary são: per capita do Rotary International, per capita distrital e assinatura da revista “Brasil Rotário”. Todos os demais custos variam conforme as necessidades e decisões dos clubes.  De acordo com os níveis de contribuição, o retorno por meio da elaboração de projetos autossustentáveis poderá beneficiar mais ou menos as nossas comunidades. Os nossos projetos não podem ser simples doações perdidas. Esperamos que a boa vontade, o bom senso e o desprendimento por parte dos companheiros os sensibilizem, de maneira que possamos, sem sacrifícios maiores, oferecer a nossa contribuição pessoal à Fundação Rotária. É fundamental que o amor do rotariano pela nossa fundação possa materializar-se por meio de doações individuais generosas. A realização de projetos relevantes, que venham a resolver definitivamente alguma necessidade das nossas comunidades, será o complemento. Seja um doador consciente. Airton Rigoni, Rotary Club de Foz do Iguaçu-Ponte, (Distrito 4.640). Extraído da “Brasil Rotário” 

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave