Novos galpões da penitenciária Estevão Pinto vão empregar detentas

O projeto é uma parceria da Seds com uma gráfica digital. Cerca de R$ 300 mil foram investidos pela empresa privada

iG Minas Gerais | Da Redação |

  Foi inaugurada na tarde  desta segunda-feira (4) dois novos galpões de trabalho no Complexo Penitenciário Feminino Estevão Pinto (Piep), no bairro Horto, região Leste de Belo Horizonte. O objetivo do projeto é dar emprego às detentas.   Os galpões, que têm juntos 300 m² foram construídos e equipados por meio de uma parceria com uma gráfica digital. Inicialmente, seis detentas vão trabalhar na confecção de adesivos, no em acabamento em banners e lonas, construção de placas, entre outros serviços.   Conforme a Secretaria de Estado de Defesa Social (SEDS), o investimento por parte da empresa privada foi de R$ 300 mil, para a construção e aquisição de maquinário.   Durante o evento foram distribuídas às detentas Cartilhas da Mulher Encarceirada, produzidas pelo Ministério Público.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave