Irmãos Bryan evitam final brasileira no Masters de Paris

Americanos venceram a dupla com pouco mais de uma hora, e irao enfrentar Soares e Peya na decisão

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

Líderes do ranking mundial, os irmãos norte-americanos Mike e Bob Bryan evitaram neste sábado que a final da chave de duplas do Masters 1.000 de Paris tivesse um duelo entre dois tenistas do Brasil. Eles venceram a semifinal deste sábado diante do brasileiro Marcelo Melo e do croata Ivan Dodig, avançando para a decisão deste domingo contra o também brasileiro Bruno Soares e o austríaco Alexander Peya. Na semifinal deste sábado no torneio francês, os irmãos Bryan ganharam de Marcelo Melo e Ivan Dodig por 2 sets a 0, com parciais de 6/4 e 7/5, em 1 hora e 12 minutos de jogo. Um pouco antes, Bruno Soares e Alexander Peya, que formam a segunda melhor dupla do ranking mundial, também tinham vencido sua partida, diante do bielo-russo Max Mirnyi e do romeno Horia Tecau por 2 sets a 1, com 3/6, 6/2 e 10/3. Assim, as duas principais duplas do mundo vão se enfrentar na decisão deste domingo. E quem vencer em Paris vai chegar embalado para a disputa do ATP Finals, torneio que reúne as oito melhores parcerias da temporada, a partir desta segunda-feira, em Londres. Assim como os irmãos Bryan e Bruno Soares/Alexander Peya, Marcelo Melo e Ivan Dodig também estão classificados para jogar na capital inglesa.

Leia tudo sobre: mike bryanbob bryanmarcelo meloivan dodigsoarespeyamasters 1000paris