Federer vence Del Potro e encara Djokovic nas semis d Masters de Paris

Na briga por mais um título, suíço fará primeiro duelo com o companheiro sérvio neste sábadp

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

PÁGINA OFICIAL/FACEBOOK
Federer encontrará Djokovic por mais uma vez
Em uma reedição da final do Torneio da Basileia, Roger Federer obteve a revanche contra o argentino Juan Martín Del Potro, seu algoz na decisão disputada em sua casa, e avançou à semifinal do Masters 1000 de Paris, nesta sexta-feira. Na briga por uma vaga na final, Federer fará seu primeiro confronto do ano contra o sérvio Novak Djokovic, neste sábado. Derrotado por 2 sets a 1 na final suíça, no domingo, Federer devolveu o placar contra Del Potro: 6/3, 4/6 e 6/3. Exibindo grande evolução nesta semana, em comparação aos últimos meses, o suíço foi superior ao rival em quase todos os fundamentos. Falhou menos, ao cometer 22 erros não forçados (contra 32 do argentino), e foi mais incisivo nos golpes, com 36 bolas vencedoras - Del Potro acertou 20. Com este bom volume de jogo, Federer conquistou sua primeira vitória sobre um tenista do Top 10 desde janeiro deste ano, quando superou o francês Jo-Wilfried Tsonga, então número 8 do ranking, no Aberto da Austrália. Foi também seu primeiro triunfo sobre um rival do Top 5 desde novembro do ano passado. Atual número 6 do mundo, Federer protagonizou grande duelo contra Del Potro nesta sexta. O suíço fez um primeiro set quase impecável, com grande aproveitamento no serviço e solidez no fundo da quadra. Na segunda parcial, o argentino manteve o equilíbrio até faturar sua primeira quebra da partida no 10ª e último game do set. No último set, Federer começou melhor e logo quebrou o saque do rival no quinto game. Sem se abater, Del Potro devolveu a quebra. Mas não teve forças para manter o ritmo. Acabou sofrendo novo revés em seu saque. E viu o suíço fechar o set e a partida com uma nova quebra, após 1h43min. Neste sábado, Federer vai duelar com Djokovic pela primeira vez na temporada. O sérvio, atual número dois do ranking, avançou em Paris ao superar o também suíço Stanislas Wawrinka por 2 sets a 0. Federer e Djokovic não se enfrentam desde a decisão do ATP Finals, vencida pelo sérvio. No retrospecto geral, o suíço leva vantagem, com 16 vitórias e 13 derrotas.

Leia tudo sobre: tênisfedererdjokovicmasters de parisdel potro