André é barrado por Adilson Batista e não pega Coritiba

Atacante, que pertence ao Atlético, chegou atrasado ao treino de quinta-feira e não foi perdoado pelo comandante

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

Marcelo Sadio/Vasco
Ex-atleticanos, André e Fillipe Soutto comemoram gol contra o Madureira
Depois de ter chegado atrasado ao treino de quinta-feira, o atacante André foi barrado pelo novo técnico do Vasco, Adilson Batista, e não viajou com o grupo para Macaé (RJ), onde acontece o jogo deste sábado, contra o Coritiba, pela 32ª rodada do Brasileirão. Ao ser contratado pelo Vasco na última terça-feira, para substituir o demitido Dorival Júnior, Adilson Batista chegou dizendo que iria cobrar profissionalismo e responsabilidade dos jogadores. Pelo jeito, André foi a primeira vítima do novo comando vascaíno. Artilheiro do Vasco no Brasileirão, com 11 gols marcados, André não seria titular neste sábado, mas, com a indisciplina, não ficará nem como opção no banco de reservas. E seu futuro no clube, onde tem contrato até o final do ano, passa a ser uma incógnita. O jogo contra o Coritiba é decisivo para o futuro do Vasco no Brasileirão. Faltando sete rodadas para o final do campeonato, o time carioca está com 33 pontos e ocupa a 18ª colocação. Por isso, precisa da vitória na luta contra o rebaixamento.