Pupilo de Gilberto Silva, Cândido 'sonha' em encerrar carreira na zaga

Volante conta que sua polivalência foi moldada desde as categorias de base pelos treinadores que o comandaram

iG Minas Gerais | FERNANDO ALMEIDA |

BRUNO CANTINI/ATLÉTICO
Lucas Cândido está ciente da responsabilidade, mas espera corresponder à altura
A polivalência de Lucas Cândido deixa o técnico Cuca tranquilo para confiar ao jovem atleta a lateral esquerda do Atlético. Neste sábado, o jogador terá a chance de mostrar sua qualidade diante do Náutico e ele garante que está tranquilo para cumprir essa função. Para manter a calma antes do jogo, Cândido conta com a amizade e experiência de Gilberto Silva, ídolo e companheiro do garoto. “Gilberto Silva é o mais companheiro, que passa as experiências e me ajuda muito. Conversa com o pessoal da base e o Léo (Silva) também me dá umas dicas”, afirmou Lucas Cândido. Cândido conta que sua polivalência foi moldada desde as categorias de base pelos treinadores que o comandaram. Hoje volante de ofício, Lucas também pode atuar como lateral-esquerdo e revela que guardou da base o seu estilo ofensivo. Contudo, o ‘sonho’ do jogador é finalizar a carreira como seu amigo Gilberto Silva, como um veterano e experiente zagueiro. “Na base eu era atacante, chegava mais a área e depois fui recuado pra volante. Quem sabe eu posso até no fim de carreira eu posso ser até um zagueiro experiente”, declarou o jovem volante.

Leia tudo sobre: futebol nacionalcampeonato brasileirosérie aatléticogalo