Minas Gerais recebe cerca de R$ 12,9 bi com abono natalino

iG Minas Gerais |

Até dezembro, serão injetados na economia R$ 143 bilhões com o pagamento aos trabalhadores do 13º salário. O total representa aproximadamente 3% do Produto Interno Bruto (PIB). A estimativa do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese) é de que 82,3 milhões de brasileiros sejam beneficiados com um rendimento médio adicional de R$ 1.740. Só em MG, serão R$ 12,9 bilhões, 9% do total do Brasil. Na comparação com 2012, o número de pessoas que receberá o 13º neste ano é 2,9% superior. Mais de 2 milhões de pessoas passarão a receber o benefício por se incorporarem ao mercado de trabalho, terem requerido aposentadoria ou pensão ou ainda formalizado o vínculo de emprego. O valor total previsto pelo Dieese é 9,8% maior que o estimado no ano passado. O supervisor técnico do Dieese em Minas Gerais, Fernando Ferreira Duarte, observa que boa parte do 13º, em torno de 70%, será paga nos dois últimos meses de 2013, movimentando toda a economia. “É um dinheiro muito aguardado. Algumas pessoas o utilizam para pagar dívidas. Outras, com renda maior, poupam para poder pagar os compromissos típicos do começo do ano, como os impostos. E, é claro, todos utilizam o 13º para fazer compras”, diz. Os cerca de R$ 12,9 bilhões que serão injetados no Estado representam 9% do total nacional, que é de R$ 143 bilhões, e de 17,7% da região Sudeste. Serão em torno de 8,8 milhões de pessoas que contarão com o recurso, ou seja 10,7% do total que terá acesso ao benefício no Brasil. 

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave