Moradores de Lagoa Santa estão há mais de 24 horas sem água

Previsão inicial era de que o problema fosse resolvido durante nessa quinta-feira; desabastecimento afeta quase toda a cidade

iG Minas Gerais | MÁBILA SOARES |

Moradores de Lagoa Santa, na região metropolitana de Belo Horizonte, estão há mais de 24 horas sem água. O abastecimento foi interrompido em quase toda a cidade na noite dessa quarta-feira (30) para uma manutenção de emergência e ainda não foi normalizado.  De acordo com a Companhia de Saneamento de Minas Gerais (Copasa), o abastecimento foi interrompido, emergencialmente, para manutenção em uma adutora de 300 milímetros, localizada na travessia da MG-010. A previsão inicial era de que o problema fosse resolvido durante a noite dessa quinta-feira. No entanto, até por volta do meio dia desta sexta-feira, os moradores continuam sem água.  Segundo a Copasa, a demora foi motivada por novos vazamentos, que não eram esperado. Conforme a empresa, após a conclusão dos serviços na adutora localizada na travessia da MG-10, a tubulação apresentou novos vazamentos. Por isso o abastecimento continua interrompido. Técnicos da empresa continuam trabalhando no local para solucionar o problema. Em hospitais, postos de saúde e escolas o abastecimento emergencial está sendo feito por caminhões-pipa. O desabastecimento afeta quase toda a cidade está sem água, exceto nos bairros Lagoa Mansões, Lapinha, Sangradouro, parte baixa da Várzea das Flores e Aeroporto de Confins. Quem tiver alguma dúvida ou reclamação pode ligar para o telefone 115.    

Leia tudo sobre: CopasaáguaLagoa Santa