Rival só na Copa

iG Minas Gerais |

A relação do Atlético com o Estudiantes nasce, principalmente, por causa da rivalidade com o Cruzeiro, o maior rival. Diego Tardelli e Marcos Rocha são os únicos atletas hoje no Galo que estavam no clube em 2009, quando os argentinos levaram a melhor sobre a Raposa na decisão da Libertadores. Eles sabem que as brincadeiras fazem parte do futebol, mas que também há cordialidade entre clubes. “Aquilo foi um momento diferente em que a gente estava concentrado e houve o jogo entre Cruzeiro e Estudiantes. A gente deu uma secadinha. Mas a rivalidade fica do lado de fora, tem de estar com a nossa torcida para o Brasil. O máximo que o Atlético pode fazer é dar uma boa hospedagem ao povo argentino”, destaca Tardelli, também se referindo à recepção à seleção argentina, que vai ficar na Cidade do Galo durante a Copa. ( TN/FM )

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave