Casa terá que fazer um novo concurso

iG Minas Gerais |

O Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) assinou, no início do ano, um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) com a Câmara Municipal de Nova Lima, determinando que a Casa realize concurso público até abril do próximo ano. Em 2010, 18 funcionários foram contratados sem qualquer seleção, uma exigência constitucional. O presidente da Câmara, Nélio Aurélio Souza (PMDB), afirmou que propôs ao Ministério Público demitir o grupo, mas que o órgão foi contra. “Por mim demitia todos. Assim, cortaríamos também um pouco dos gastos com pessoal”, afirmou. Segundo Souza, em abril, oito vagas, dez a menos do número total de contratados atualmente, deverão ser abertas. “Acho que com oito conseguimos atender o que precisamos e cortamos um pouco os gastos”. (TT)

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave