Fretados também lucram mais

iG Minas Gerais |

Além de injetar cifras astronômicas no mercado informal, as sacoleiras aquecem também o setor de transportes. Um ônibus de turismo com 44 lugares, por exemplo, é alugado por operadoras clandestinas a R$ 3.000. Com a passagem a R$ 150, essas agências chegam a faturar mais de 100% do valor gasto com a viagem, sem contar os R$ 1.800 gastos com a escolta armada. Há quatro anos no ramo, uma agente que prefere o anonimato revela que está prestes a romper fronteiras, passando a oferecer roteiros internacionais, como para a Colômbia, Peru, Chile e Argentina. Assim como ocorre nas câmaras setoriais do comércio, as entidades do setor de transporte não possuem números ou informações precisas sobre a utilização de ônibus de turismo interestaduais usados no transporte de sacoleiras. (JR)

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave