Jogo do Alemão com 'gol fantasma' tem placar mantido

Hoffenheim protestava contra um gol em que a bola só entrou porque furou a rede pelo lado de fora

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

O tribunal da Federação Alemã de Futebol decidiu rejeitar o pedido do Hoffenheim e manter o resultado da partida em que a equipe foi derrotada pelo Bayer Leverkusen, pela oitava rodada do Campeonato Alemão. A equipe do brasileiro Roberto Firmino protestava contra um gol em que a bola só entrou porque furou a rede pelo lado de fora. O gol polêmico foi anotado aos 25 minutos do segundo tempo, após cabeceio do centroavante Stefan Kiessling. A bola passou relativamente longe da trave direita, bateu na lateral da rede, e entrou por conta de um furo. Ninguém do Bayer Leverkusen comemorou, mas mesmo assim o árbitro Felix Brych marcou gol, gerando fúria dos jogadores do Hoffenheim, que acabou derrotado por 2 a 1 - Firmino depois perdeu um pênalti. O tribunal, porém, entendeu que Felix Brych não desrespeitou nenhuma regra, apenas fez uma análise equivocada, algo a qual todo árbitro está sujeito. "A decisão foi errada, mas não podemos voltar atrás", comentou o presidente do tribunal, Hans Lorenz. Durante o julgamento, Brych, um dos melhores árbitros do futebol alemão, disse que viu a bola passar por fora, mas depois a viu dentro do gol e achou que havia perdido qualquer coisa. Consultou os assistentes e foi informado que ela realmente entrou. O Bayer Leverkusen defendia que os últimos 22 minutos do jogo fossem refeitos, a partir do placar de 1 a 0.

Leia tudo sobre: futeboljogoalemaogolfantasma