Clube deve entrar hoje com recurso

iG Minas Gerais | Thiago Nogueira |

Douglas Magno - 26.10.2013
Sem medo. Faixa traz os títulos de 1966, reconhecido pela CBF, de 2003 e o deste ano, que está perto
Punido com a perda de um mando de campo – que, a princípio, seria cumprido contra o Grêmio, dia 10 de novembro, pela 33ª rodada –, o Cruzeiro promete entrar hoje com um pedido de efeito suspensivo no Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD). O clube discorda da punição imposta pelo tribunal por causa do comportamento de sua torcida no clássico contra o Atlético, no Independência, dia 13 de outubro.   Com o efeito suspensivo, a Raposa se livraria da punição até o julgamento do recurso, com data ainda não definida. Para o duelo com o Grêmio – um dos concorrentes mais próximo na luta pelo título –, a diretoria celeste já vendeu mais de 11 mil ingressos, além de 12 mil sócios que garantiram a entrada antecipadamente. Foco. Independentemente de onde for a partida, o jogadores do Cruzeiro não querem derrapar nos objetivos. “Dificuldade vai existir na vida, em qualquer momento. Você tem que ser grande para sair dela. Acho que ela vem para quem é grande, e felizmente conseguimos desempenhar um excelente papel”, destacou o atacante Dagoberto, titular no jogo contra o Criciúma. 

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave