Traficante é baleado em guerra pelo domínio do tráfico de droga no Vista Alegre

Um dos participantes da gangue rival, responsável pela tentativa de homicídio, foi preso na noite desta segunda

iG Minas Gerais | Gustavo Lameira |

  Um homem foi preso por porte ilegal de arma na noite desta segunda-feira (28), no bairro Vista Alegre, região Oeste de Belo Horizonte. Conforme militares do Grupo Especializado de Patrulhamento em Áreas de Risco (Gepar), no último fim de semana a briga entre gangues deixou um dos chefes do tráfico de droga da região baleado.   No sábado (26), mais de trinta tiros foram disparados contra o traficante conhecido com "Mini Jackson", que comanda o comércio de drogas no aglomerado ACM. Uma bala ficou alojada na face da vítima, que ainda está hospitalizada.   Em represália, na madrugada do domingo (27), o grupo foi até o rival, no Beco dos Pretos, com metralhadoras conhecidas como "macaquinhas", e efetuaram mais de 40 disparos, que atingiram e perfuraram portões e paredes das casas da comunidade. Foram os moradores quem recolheram as cápsulas. Por sorete, ninguém se feriu. Os aglomerados ficam no limite entre os bairros Cabana e Vista Alegre.   Com Igor Rodrigues Almeida, de 19 anos, foi apreendida uma pistola calibre 380 com munição. O suspeito faz parte da gangue do Beco dos Pretos e já tem passagens por tráfico de droga.   Ainda segundo levantamento do Gepar, somente no aglomerado ACM são movimentados R$ 30 mil reais/dia com a venda de drogas. Também, apenas pela equipe que conversou com a reportagem de O TEMPO, cinco armas foram a apreendidas na última semana.   Ocorrência encerrada na 1ª DP do Barreiro.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave