Motorista morre após bater carro de frente com cegonheira na BR-116, em Muriaé

Veículos seguiam em sentidos contrários e colidiram frontalmente no KM 690, próximo ao distrito de Itamuri; cegonheira caiu em barranco de cerca de 30 metros, as margens da rodovia

iG Minas Gerais | Fernanda Viegas |

Um grave acidente envolvendo um Gol branco e uma carreta cegonheira deixou uma pessoa morta e outras duas feridas, na tarde desta segunda-feira (28), na BR-116, em Muriaé, na Zona da Mata. Os veículos seguiam em sentidos contrários e colidiram frontalmente no KM 690, próximo ao distrito de Itamuri. Segundo o Corpo de Bombeiros, que fez o socorro no local, o motorista Antônio Luiz de Oliveira, de 50 anos, que dirigia no sentido Muriaé/Miradouro, teria perdido o controle da direção e invadido a contramão, batendo de frente com a cegonheira. Oliveira morreu na hora e o motor de seu veículo chegou a ser arrancado. Com a forte colisão, o condutor da cegonheira, Ruy Antônio de Lima, de 54 anos, perdeu o controle da direção do veículo, que caiu em um barranco de aproximadamente 30 metros de altura, às margens da rodovia. Ele e o pai, o passageiro  Irineu Lopes de Lima, de 79 anos, tiveram ferimentos leves e foram encaminhados para o Hospital São Paulo, em Muriaé. Por cerca de 2h30, metade da via ficou interditada para socorro e remoção das vítimas. Na hora do acidente, a cegonheira estava vazia. O motorista contou aos bombeiros que voltava de Salvador (BA), onde entregou a carga, retornando para São Paulo (SP).

Leia tudo sobre: batidacolisão frontalGolcegonheira