Polícia Militar prende 90 manifestantes durante protesto na rodovia Fernão Dias

A interdição da rodovia, que resultou em quatro ônibus e quatro caminhões incendiados, durou quase cinco horas

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

Cerca de 90 pessoas que protestaram pela morte de um adolescente de 17 anos por um policial militar foram detidas pela Polícia Militar (PM) de São Paulo, nesta segunda-feira (28). Eles bloquearam a rodovia Fernão Dias, que liga São Paulo a Belo Horizonte. Um dos sentidos continua interrompido por caminhões e ônibus que foram incendiados na pista. Segundo a PM, durante os protestos ocorreram saques a lojas, sendo que em um deles uma pessoa foi baleada por assaltantes. A vítima foi encaminhada ao Hospital Municipal São Luiz Gonzaga. Cinco ônibus e três caminhões foram incendiados pelos manifestantes. Os detidos foram encaminhados à 73ª Delegacia de Polícia, em Jaçanã. Após uma hora e meia de bloqueio, o sentido Sul (São Paulo) da Rodovia Fernão Dias foi liberado para o tráfego de veículos. O sentido norte (São Paulo) continua interditado. A manifestação ocorreu devido à morte de um adolescente por um policial militar, ontem (27) na Vila Medeiros, na zona norte de São Paulo. O bloqueio em protesto, que resultou em ônibus e caminhões incendiados, durou quase cinco horas. Com Agência Brasil

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave