Obrigado, futebol!

Comemorando 150 anos neste sábado, o futebol sempre teve um papel de destaque e mostrou ser mais, muito mais do que apenas um esporte

iG Minas Gerais | GABRIEL PAZINI* |

HQPICTURES/WALLPAPERS/REPRODUÇÃO
Esporte mais praticado em todo o planeta, futebol completou 150 anos neste sábado
Gostaria de te agradecer, querido futebol, por tudo o que tem me ensinado neste tempo em que estamos juntos. Tempo, tanto tempo, que já não mais me lembro desde quando. Quero te agradecer por me ensinar o amor verdadeiro, que não escolhe, que, simplesmente, é. Não se escolhe um time, uma alma, um coração, um amor, apenas é. Se ama o time que joga feio, o que joga bonito, o que ganha, o que perde, o que sofre. Ama, apenas se ama. O amor verdadeiro sempre tem seu preço, e nós pagamos, caro várias vezes, seja em ingresso, seja em sofrimento, seja como for, mas pagamos, pagamos com amor. Te agradeço também por me ensinar a sempre levantar a cabeça, a sempre correr atrás, a sempre lutar, a nunca, nunca desistir. Não importa se perdi e sofri, levanto a cabeça e luto, corro atrás, nunca, jamais desisto e, sempre, darei o meu melhor. Obrigado também por me mostrar que podemos nos entender mesmo lutando um contra o outro ou mesmo com amigos nossos brigando. Também te agradeço por me ensinar a perder e a vencer, a saber que vou sorrir e vou chorar, chorar até de alegria, mas que isso, tudo isso, faz parte da vida. Ah, futebol, eu te agradeço por me mostrar as várias emoções que posso sentir e os vários "eus" que sou. Por me mostrar as forças e as fraquezas do meu ser e que tudo, tudo é possível. Obrigado por me mostrar que tudo está ligado. Que história, política, economia, geografia, ciências, tudo se relaciona a tudo e também a você. Obrigado também, por me ensinar um pouco de tudo isso. Te agradeço por isso, por tudo isso, e por muito mais que isso. Te agradeço, futebol, por existir. *com supervisão de Leandro Cabido