Em novo degrau

Em “Amor à Vida”, Carol Castro vibra com fase mais madura na carreira, após completar 11 anos de trabalhos na Globo

iG Minas Gerais | caroline borges poptevê |

Jorge Rodrigues Jorge/CZN
Diversidade. Carol afirma que papéis que se distanciam de sua personalidade é um dos seus objetivos profissionais
A segurança durante as falas de Carol Castro converge com a seriedade com que a carioca de 29 anos encara sua carreira. Após 11 anos na Globo, a atriz acredita que amadureceu ao longo de sua trajetória e, pela primeira vez, dá vida a uma personagem com um perfil profissional marcante. Na pele da advogada Silvia, de “Amor à Vida”, Carol se distancia das mocinhas recatadas do interior, como a Natália de “Morde & Assopra” e a Jacira de “Amor Eterno Amor”, para assumir um papel de mulher moderna e independente. “É um sinal de que estou crescendo como atriz e atingindo outros estágios”, afirma ela. Inicialmente, Carol foi convidada pelo diretor Wolf Maia para ser apenas a advogada de Bruno, interpretado por Malvino Salvador, durante o processo da guarda de Paulinha, vivida por Klara Castanho. Ao longo da trama, a personagem foi ganhando novos rumos ao se revelar esposa de Michel, papel de Caio Castro, e atrapalhar o romance do rapaz com Patrícia, de Maria Casadevall. Além disso, Silvia também protagonizou cenas mais densas ao descobrir que tinha câncer de mama. “Foi uma surpresa. Ninguém me alertou de nada. Fui descobrindo o papel junto com os capítulos. Não imaginava que ela fosse se envolver com o Michel”, ressalta. “Amor à Vida” é o terceiro trabalho de Carol com Walcyr Carrasco – ela já participou de “O Profeta”, em que o autor fez a supervisão de texto, e de “Morde & Assopra”. Mesmo entrando no meio da trama, a atriz não sentiu a famosa sensação de “pegar o bonde andando” por ter familiaridade com o texto e a equipe. “É bacana porque Walcyr já me conhece e sabe todas as minhas vertentes. Já tenho a maior intimidade com a forma de trabalho dele”, argumenta. Convidada enquanto participava do quadro “Danças dos Famosos”, do “Domingão do Faustão”, de onde saiu vencedora, a atriz contou com um curto período de preparação para se aprofundar no universo do Direito. “Tenho primos e irmã advogados. Pesquisei sobre Direito de Família, vi muitos filmes e séries sobre Direito, como ‘Law & Order’. Além disso, o texto ajuda muito”, explica. Carol mantém uma relação confortável com a exposição de seu corpo. Por isso, não se intimida nas cenas mais sensuais e com roupas íntimas que a sua personagem exibe durante a trama. “Existe uma insegurança, mas é natural. Afinal, é uma forma de exposição. Mas eu me proponho a fazer o que o autor escreve da melhor maneira e com o máximo de bom gosto”, argumenta. Porém, a atriz sonha em desapegar da estética e encarnar personagens que se distanciem da normalidade e de sua personalidade. E encara sem medo as possíveis mudanças de visual que a profissão pode proporcionar. “Tenho vontade de fazer uma manca ou com óculos de fundo de garrafa. Quero fazer papéis que as pessoas não pensem em mim. Acho legal fugir do óbvio”, torce. Perfil Nome completo: Carolina Osório de Castro Data de nascimento: 10 de março de 1984 Local de nascimento: Rio de Janeiro (RJ) Signo: Peixes Últimos papéis na TV: Jacira de “Amor Eterno Amor” (2012), Natália de “Morde & Assopra” (2011), Mariana de “Escrito nas Estrelas” (2010), Patrícia no especial “Chico e Amigos” (2009), Sheila de “Beleza Pura” (2008), Marta no especial “Os Amadores” (2007), Ruth de “O Profeta” (2006)  

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave