O adeus de Paulinho Tapajós

Músico, autor de “Andança”, morreu ontem, aos 68 anos, em decorrência de câncer

iG Minas Gerais |

Adalberto Carvalho / Flickr
Festival. Com “Andança”, na voz de Beth Carvalho, Paulinho ficou em 3º no Festival Internacional da Canção em 1968
Compositor de clássicos da música brasileira, como “Andança” e “Sapato Velho”, o músico e compositor Paulo Tapajós Gomes Filho, mais conhecido como Paulinho Tapajós, morreu ontem, aos 68 anos. Segundo o primo do cantor, Tibério Gaspar, Paulinho lutava contra um câncer há seis anos. Filho do compositor, cantor e radialista Paulo Tapajós, e irmão do compositor Maurício Tapajós e da cantora Dorinha, Paulinho iniciou em 1972 sua carreira de intérprete, gravando com Dorinha o compacto duplo “Paulinho e Dorinha”. O primeiro LP veio em 1974, com “Se Pelo Menos Você Fosse Minha” e “Clara”. Em 2008, lançou o último disco, “Preparando a Canção”, com releituras de “Pera, Uva ou Maçã” e “A Velha”, sendo o restante do repertório composto de músicas inéditas.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave