Mau tempo cancela treinos de sexta-feira da MotoGP

Problema foi provocado pela proximidade do tufão Francisco à região japonesa

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

O mau tempo em Motegi provocou o cancelamento de todas as atividades desta sexta-feira da etapa japonesa da MotoGP, a 17ª das 18 previstas para esta temporada, e também de todas as outras categorias que tem eventos previstos para este fim de semana no circuito asiático. Inicialmente, apenas o primeiro treino livre em Motegi foi cancelado, mas como a chuva e a falta de visibilidade, provocada pela forte neblina, permaneceram, os organizadores acabaram impedindo a realização de qualquer atividade na pista nesta sexta. O problema foi provocado pela proximidade do tufão Francisco. O tempo ruim impediu que o helicóptero médico chegasse ao circuito. Sem ele, a MotoGP não pode realizar atividades. "Não estamos preparados para correr nestas condições quando há o risco de um piloto gravemente lesionado não receber os cuidados corretos,” comentou Mike Webb, diretor de provas da MotoGP. "O helicóptero tentou obter autorização para voar para o circuito desde quinta-feira e chegou mesmo a tentar levantar voo, mas foi depois obrigado a aterrissar de novo. Assim que tivesse autorização para voar, teríamos dez minutos para avisar os times, mas o helicóptero nunca teve autorização para voar", completou. Com o problema climático, a direção de prova estuda várias alternativas para o restante do fim de semana em Motegi. Entre elas, está a possibilidade de desmontar o helicóptero e levá-lo para o circuito, onde voltaria a ser montado, para evitar que as atividades sejam canceladas. "Ainda esperamos chuva forte amanhã de manhã, mas a chuva não impede o helicóptero de voar - tudo depende da visibilidade", disse Webb, avisando que a programação será adaptada de acordo com as condições climáticas em Motegi. "Fiz rascunhos de programas para todas as possibilidades para amanhã, incluindo o início de tarde, depois da chuva da manhã que deverá abrandar por volta das 14 horas. Depende de quando as condições climáticas nos vão permitir rodar. Vamos dar o máximo tempo de pista possível para todas as classes. Ainda não está nada decidido porque depende do tempo", afirmou. Inicialmente, o treino de classificação da MotoGP estava previsto para ser realizado a partir das 3h10 (horário de Brasília) deste sábado. Já a corrida foi marcada previamente para as 3 horas do domingo. Mas o clima em Motegi pode alterar a progamação da prova. Líder do campeonato, o espanhol Marc Márquez pode conquistar no Japão o título da temporada 2013 da MotoGP. O piloto da Honda lidera o campeonato com 298 pontos, 18 a mais do que o compatriota Jorge Lorenzo, da Yamaha.

Leia tudo sobre: motogpmautempotreinocancelado