Segurança para pedestres

Vereador Alex Chiodi cobra a instalação de cronômetros nos semáforos da cidade como forma de garantir a segurança de quem anda a pé

iG Minas Gerais |

O vereador Alex Chiodi encaminhou indicação à Transcon solicitando o cumprimento da Lei 4.563, que torna obrigatória a instalação de cronômetro regressivo digital em todos os semáforos com registro de avanço de sinal, instalado no município de Contagem. De acordo com o parlamentar, a lei foi aprovada em outubro do ano passado e a Transcon teria o prazo de seis meses para adequar os sinais que atualmente possuem o registrador de avanço de sinal e controle de velocidade. “Ao final do prazo, estive na Transcon e fui informado que um estudo havia sido feito e o órgão precisava de mais um tempo para poder implantar os equipamentos. Só que esse prazo já está se estendendo por demais, e até hoje não temos nenhum equipamento instalado”, explicou Chiodi. Riscos Para Chiodi, a ausência do semáforo vem colocando em risco a vida dos pedestres. “Os cronógrafos servem para reduzir os acidentes de trânsito, além de viabilizar a transparência na aplicação de multas. Não adianta a Câmara aprovar uma lei e ela não ser cumprida. Nós, vereadores, estamos aqui para legislar e também para cobrar o cumprimento das leis”, completou. O vereador também cobrou da Transcon o cumprimento dos projetos viários de sinalização de trânsito, como nos cruzamentos das ruas Maria Cecília, Mestre Pedrinho e Tibúrcio Custódio, no Bairro Maracanã. “É um pedido, mas também um alerta, porque a falta de sinalização provoca acidentes constantes e coloca em risco a vida dos moradores da região”, destacou. Cálculo O cálculo do tempo dos semáforos não é nada simples. Ele leva em conta fatores como o fluxo de carros por minuto, que determina os ciclos para cada cruzamento da cidade. Cada ciclo corresponde ao tempo que o semáforo leva para completar todas as suas três fases, verde, amarelo e vermelho. Assim, quanto maior o fluxo de veículos no cruzamento, maior tempo para o sinal completar o ciclo. Em cidades como Belo Horizonte, há cruzamentos onde existem sensores que percebem o fluxo de carros e controlam o tempo em que um semáforo ficará aberto dependendo da necessidade.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave