Sada Cruzeiro festeja feito inédito no vôlei brasileiro

Primeira equipe nacional campeã do mundo, celestes ainda vivem dias de glória; time dominou a premiação dos melhores jogadores da competição com quatro atletas

iG Minas Gerais |

O título de campeão Mundial conquistado pelo Sada Cruzeiro no último domingo (20) é o primeiro conquistado por uma equipe brasileira masculina de voleibol. Um resultado histórico para o esporte brasileiro, que rendeu muitas comemorações para a equipe celeste ao decorrer da semana. Até a edição de 2013, todos os títulos haviam sido conquistados por times italianos. E desde 1991, quando o Banespa ficou em segundo lugar no torneio sediado em São Paulo, o melhor resultado brasileiro até então era o próprio vice-campeonato dos cruzeirenses na competição disputada em Doha, no Catar, em 2012. Dessa vez, o elenco azul jogou em casa e superou o favoritismo do Lokomotiv Novosibirsk, vencendo por 3 sets a 0, com parciais de 25/20, 25/19 e 25/20, no Ginásio Divino Braga, em Betim. Premiação O Cruzeiro dominou a seleção dos melhores jogadores da competição, no tradicional anúncio feito pela FIVB (Federação Internacional de Voleibol), pouco antes das entregas das medalhas para os atletas campeões. William e Serginho, que já haviam garantido os troféus de melhores em suas posições em 2012, foram novamente reconhecidos como melhor levantador e melhor líbero, respectivamente. O cubano Leal foi consagrado o melhor ponteiro. Por fim, Wallace conquistou o MVP – título de melhor atleta de todo o Mundial. Depoimentos Todo o elenco celeste se mostrou bastante emocionado após o termino da partida e a conquista do título. Douglas Cordeiro, atleta que está há mais tempo na equipe do Sada, destacou a evolução da equipe nos últimos anos. “Vi essa equipe crescer, quando ainda jogava pelo Sada Betim. Era um time considerado mediano. É um prazer gigantesco viver agora o auge, depois de vencermos a Superliga e o Sul-Americano. Batemos na trave no Mundial passado e, agora, somos coroados como os melhores do planeta. Não existe sensação melhor”, comenta o veterano, de 34 anos. Emocionado, o técnico Marcelo Mendez foi outro a exaltar o feito de seus comandados, e citar o apoio da torcida. “São muitas coisas. Chegamos a muitas finais. Finais de liga eu já ganhei muito. Mas nas partidas internacionais são muitos disputadas, um 3 a 2, normalmente. Ganhar uma final é muito importante, é uma grande satisfação pelo grupo, pelo clube, pela torcida”, ressaltou Mendez. O presidente do Cruzeiro, Gilvan de Pinho Tavares, foi outra pessoa a elogiar toda a estrutura do Sada e enaltecer o feito histórico. "É a primeira vez que um clube de vôlei brasileiro conquista o título mundial. Gostaria de parabenizar o excelente trabalho dos jogadores, da comissão técnica e da diretoria do Sada Cruzeiro, que nos proporcionou esse momento maravilhoso que estamos vivendo e que vai ficar marcado na história do vôlei mundial”, declarou Gilvan. Homenagem Na última terça-feira (22), a delegação celeste esteve na Cidade Administrativa, onde foi recebida pelo governador Antonio Anastasia, que prestou uma homenagem à conquista do clube. Os cruzeirenses levaram a taça até o governador, que a segurou e elogiou pela beleza. Anastasia fez questão de exaltar o feito do Sada e destacou o orgulho que a conquista internacional trouxe ao povo mineiro. “Gostaria de saudar a equipe campeã do mundo e dizer que vocês orgulharam nosso Estado. Em nome de 20 milhões de mineiros, quero agradecer essa alegria que deram ao Estado” disse.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave