Em coletivo, Dagoberto e Henrique são escalados no time titular

Com as alterações, Éverton Ribeiro atuou mais centralizado, com Willian pela direita e Dagol pela esquerda

iG Minas Gerais | BRUNO TRINDADE |

Joao Godinho/O Tempo
Dagoberto é uma das opções de Marcelo Oliveira para suprir ausências na equipe titular
O técnico Marcelo Oliveira comandou um treinamento coletivo, na tarde desta quinta-feira, na Toca da Raposa II, e começou a esboçar o time que vai iniciar a partida contra o Criciúma, sábado, às 18h30, pela 31ª rodada do Campeonato Brasileiro. Na vaga do suspenso e lesionado Nilton, Henrique foi escalado. No ataque, Dagoberto foi confirmado no lugar do lesionado Ricardo Goulart. Com as alterações, Éverton Ribeiro atuou mais centralizado, com Willian pela direita e Dagol pela esquerda. Porém, o comandante celeste exigiu muita movimentação dos atletas, que mudavam de posição constantemente. O treinador também cobrou uma marcação forte, saídas rápidas para o ataque e atenção nas bolas paradas, tanto defensivas quanto ofensivas. O time titular foi escalado com Fábio; Ceará, Dedé, Léo e Egídio; Henrique, Lucas Silva, Willian, Éverton Ribeiro e Dagoberto; Borges. Na segunda parte do coletivo, Vinícius Araújo entrou no ataque e Borges foi sacado. Mayke entrou na lateral direita na vaga de Ceará. Júlio Baptista também foi testado no posto de centroavante, entrando no lugar do Vinícius Araújo. No começo do coletivo, os reservas foram escalados com Rafael; Mayke, Victorino, Paulão e Everton; Leandro Guerreiro, Tinga, Souza e Júlio Baptista; Elber e Luan. Lucca, Anselmo Ramon e Alisson, que participavam de um treinamento de finalização, entraram durante o coletivo na equipe reserva. Na manhã desta sexta-feira, o treinador cruzeirense comanda a última atividade antes do duelo de sábado contra o Tigre, às 18h30, no Mineirão. Tirando as ausências de Nilton e Ricardo Goulart, Marcelo Oliveira poderá usar força máxima. A Raposa vem de uma derrota fora de casa, contra o Coritiba, no Couto Pereira, por 2 a 1. A diferença para o vice-líder Grêmio caiu para nove pontos.