Atlético-PR fica no 0 a 0 em Curitiba e elimina o Internacional

Furacão havia empatado por 1 a 1 no Rio Grande do Sul e se beneficiou pelo gol marcado fora de casa

iG Minas Gerais | agência estado |

Divulgação / Atlético-PR
Furacão eliminou o Colorado e avançou à semifinal da Copa do Brasil
O Atlético-PR fez o que precisava na noite desta quarta-feira e conseguiu a classificação para as semifinais da Copa do Brasil. O time paranaense ficou no 0 a 0 com o Inter, no Estádio Durival de Britto, em Curitiba, e garantiu a vaga por ter feito gol fora de casa no empate de 1 a 1 no jogo de ida das quartas de final, disputado no mês passado, em Novo Hamburgo (RS). O próximo adversário atleticano será o Grêmio, que eliminou o Corinthians. Empurrado pela torcida que lotou o estádio, o Atlético-PR tentou pressionar no começo, mas o Inter não permitiu o domínio adversário, equilibrando as ações em campo. No primeiro tempo, o jogo foi muito brigado, com forte marcação e poucas chances de gol. Ninguém conseguiu levar vantagem. A primeira boa chance foi atleticana. Aos 12 minutos, Everton chutou de primeira, após bola rebatida, e assustou Muriel. O Inter ameaçou com Otávio aos 27 e teve a melhor oportunidade aos 39, quando D'Alessandro cobrou falta e Jorge Henrique tocou de leve na bola, mas o goleiro Weverton estava atento. Precisando de gol para conseguir a vaga, já que o empate por 0 a 0 classificava o Atlético-PR, o Inter voltou do intervalo com o atacante uruguaio Diego Forlán no lugar do meia Otávio. E, logo aos 13 minutos, o técnico Clemer também fez uma troca no ataque: Rafael Moura na vaga de Leandro Damião. O Inter, então, quase abriu o placar aos 15 minutos. Após o vacilo do lateral Léo dentro da área, a bola sobrou para Rafael Moura, mas ele chutou por cima do gol e desperdiçou uma chance incrível. Como o gol não saía, Clemer ainda colocou o atacante argentino Scocco no lugar do lateral Kleber. Do outro lado, o Atlético-PR não tinha força ofensiva, mas também não corria riscos na defesa. Assim como no primeiro tempo a segunda etapa foi equilibrada, sem predomínio de nenhum dos lados. E o time paranaense tratou de segurar o empate, enquanto o Inter não foi capaz de marcar o gol. 

Leia tudo sobre: atlético-prcopa do brasilinternacional