Escolhida pela Argentina, Cidade do Galo estará no último catálogo oficial Fifa

Centro de treinamento não aparecia nas duas primeiras versões; documento sugere locais para seleções se hospedar e treinar durante a Copa

iG Minas Gerais | THIAGO NOGUEIRA |

BRUNO CANTINI/ATLÉTICO
undefined
De fora das duas primeiras versões do catálogo de Centro de Treinamento de Seleções (CTS), a Cidade do Galo estará na última versão do documento, que será publicada na próxima semana pelo Comitê Organizador Local (COL). Nesta quarta-feira, o Atlético e a Associação de Futebol da Argentina (AFA) oficializaram acordo para que CT alvinegro seja a casa dos argentinos na Copa do Mundo do ano que vem. Inicialmente, o presidente do Galo, Alexandre Kalil, disse que só cederia o centro de treinamento do clube se tivesse uma compensação financeira. Naquele momento, o dirigente tinha se recusado a assinar um documento que colocava a Cidade do Galo apta a receber seleções. A Fifa orienta que as delegações procurassem por complexos credenciados, mas a entidade não impedia a negociação direta entre seleções, clubes ou hotéis. Em contato do Super FC com o COL nesta quarta-feira, o comitê confirmou que a Cidade do Galo está entre os mais de 80 CTS aprovados tecnicamente pela equipe de competição do órgão. Desde agosto de 2012, quando o primeiro catálogo foi lançado, as seleções podem confirmar suas preferências à Fifa através de um sistema online, onde a prioridade é por ordem de chegada. As confirmações, no entanto, só acontecem após o sorteio final das chaves, dia 6 de dezembro. Segundo o COL, a negociação de preços é livre. “Os valores que porventura venham a ser pagos por alguma seleção ou proprietário de CTS dependem de negociação exclusiva entre as partes, não tendo nenhuma interferência da FIFA ou do COL”, informou o comitê local, em nota.

Leia tudo sobre: ATLÉTICOARGENTINACIDADE DO GALOCTSCOLFIFA