Vasco entrará com recurso contra punição de Juninho

Ídolo vascaíno foi condenado na segunda-feira, pelo STJD, por conta de uma entrada violenta em Paulinho e por ter feito gestos obscenos na direção da torcida do Flamengo

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

O Vasco vai entrar nesta quarta-feira com um recurso no Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) para tentar livrar Juninho Pernambucano da suspensão de dois jogos impostas pela corte na segunda. Um novo julgamento deve ser marcado para a semana que vem, mas, se a procuradoria aceitar o recurso, o meia vascaíno pode ser agraciado com um efeito suspensivo até lá. O ídolo vascaíno foi condenado na segunda-feira, pelo STJD, pelo ocorrido no clássico com o Flamengo, disputado em Brasília, no início deste mês. Ele recebeu a pena por uma entrada violenta em Paulinho, na qual recebeu apenas o cartão amarelo do árbitro Ricardo Marques Ribeiro, e por ter feitos gestos obscenos na direção da torcida rival - um jogo para cada infração. Apesar disso, Juninho Pernambucano deve ficar de fora do importante jogo contra a Ponte Preta, domingo, em Campinas, pelo Brasileirão. Ele será um dos poucos titulares do Vasco a atuar nesta quinta-feira, diante do Goiás, no Maracanã, pelas quartas de final da Copa do Brasil, e, em tese, não teria fôlego para jogar três dias depois - o meia tem 38 anos. Ameaçado pelo rebaixamento, o Vasco vai priorizar a disputa do Brasileirão. Derrotado no jogo de ida em Goiânia, por 2 a 1, o time carioca precisa vencer o Goiás por 1 a 0, nesta quinta-feira, para avançar na Copa do Brasil - jogando com todos os titulares, perdeu para o rival goiano na semana passada, por 2 a 0, em Macaé (RJ), pelo Campeonato Brasileiro. No treinamento desta terça-feira, jogadores e comissão técnica se reuniram no vestiário para uma conversa de uma hora, na qual fizeram um pacto para evitar o segundo rebaixamento do Vasco para a Série B no espaço de apenas cinco anos.