Após golaço, jovem Lucas Cândido vive dia de estrela

Após o jogo, Cuca disse que o atleta já estava garantido no Mundial mesmo antes do belo gol

iG Minas Gerais | Ana Paula Moreira e Fernando Almeida |

ALEX DE JESUS/O TEMPO
Alegria. Lucas Cândido fez questão de comemorar o lindo gol que fez com os integrantes do banco de reservas do Atlético
A solução encontrada por Cuca para suprir as ausências dos desfalques foi contar com o apoio da base. Neste ano, o treinador atleticano subiu alguns jogadores, como o zagueiro Jemerson, o meia Leleu e o volante Lucas Cândido para o profissional. E o resultado já começou a aparecer. Na partida de domingo, contra o Flamengo, o gol da vitória saiu de um belo chute de Lucas Cândido, que jogava improvisado na lateral esquerda. Herói da vitória, o jovem jogador teve uma segunda-feira agitada. Ontem, dia de folga no Atlético, ele passou a tarde atendendo a vários veículos da imprensa em sua casa. “Hoje foi um dia diferente, dei muitas entrevistas, mas é ter os pés no chão e aproveitar as oportunidades que o Cuca me der”, declarou Lucas, em entrevista a . O TEMPO Após o gol, o jovem jogador correu para abraçar os companheiros no banco de reservas, como o meia Leleu. “É muito tempo junto com o pessoal da base. Sempre que se faz um gol é bom comemorar com o grupo todo. A união do nosso grupo fez a diferença na Libertadores e fará também no Mundial”, explicou. O treinador do time júnior do Atlético, Rogério Micale, não poupou elogios à nova promessa atleticana. “O Lucas é muito moderno, desses que o futebol atual precisa. É um jogador polivalente, que tem uma leitura muito boa. Não é só marcação, ele sai para o jogo também com qualidade”, enalteceu Rogério Micale. Trajetória. Lucas Cândido começou jogando futsal e apareceu no Praia Clube, de Uberlândia, ainda garoto. Segundo Adeodato Junior, coordenador de futsal do clube, o talento do Lucas era visível. “A gente já via que ele ia virar jogador facilmente. Para mim não é nenhuma surpresa esse crescimento dele no Atlético. Caiu nas mãos de pessoas corretas, tem uma ótima família”, ressaltou. Do Praia Clube, Lucas Cândido foi convidado para jogar no Magnum, de onde saiu para o Atlético. “O Lucas me disse que tinha interesse, que queria ir no futebol de campo, mas já víamos um potencial muito grande nele”, explicou Gustavo Lara, coordenador de esportes do Magnum. Agora no profissional do Galo, Lucas Cândido quer mostrar trabalho para, quem sabe, ajudar o time na conquista do Mundial. “A gente sabe que é difícil ter oportunidade no profissional. Somos jovens e temos de ter os pés no chão neste momento. Cuca está mostrando que tem confiança em mim. Espero que eu esteja na lista para o Mundial”, almeja Lucas.                  

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave