Andrew Luck brilha e rouba a cena no retorno de Peyton Manning à Indianápolis

Tropeço foi o primeiro do Denver Broncos na temporada regular da NFL; equipe perdeu a liderança da divisão oeste da AFC para os Chiefs

iG Minas Gerais | JOSIAS PEREIRA |

Reprodução/Facebook
Andrew Luck imputa aos Broncos primeira derrota na temporada regular da NFL
No retorno tão aguardado de Peyton Manning à Indianapólis, brilhou mesmo a estrela de Andrew Luck. Em seu segundo ano na liga, o jovem quarterback mostrou que é o novo dono do pedaço ao comandar a vitória dos Colts sobre a franquia de Denver, por 39 a 33, em partida disputada na noite deste domingo, válida pela semana 7 da NFL. O resultado encerrou uma série de 17 vitórias consecutivas dos Broncos em temporadas regulares, sendo que na atual jornada, a equipe não havia sido derrotada por nenhum adversário. Com o triunfo, os Colts seguem no topo da divisão sul da AFC, com cinco vitórias e apenas duas derrotas. Já os Broncos acabaram perdendo além da invencibilidade, a liderança da divisão oeste da Conferência Americana para o Kansas City Chiefs, que segue como a única equipe invencível da NFL na atual temporada após arrancar um suado triunfo frente ao Houston Texans, por 17 a 16, também neste domingo. O jogo Em um confronto cercado de expectativa, um dos destaques ficou por conta da recepção calorosa do torcedor de Indianápolis a Peyton Manning. Antes do jogo, o quarterback e talvez o maior nome da história dos Colts foi ovacionado pela torcida. Inúmeras camisas 18 com as cores azul e branco da franquia de Indiana puderam ser vistas no Lucas Oil Stadium, comprovando a idolatria da torcida ao jogador que agora defende as cores dos Broncos. No entanto, dentro de campo, a admiração foi deixada de lado. Os Colts queriam a vitória para se recuperar de uma amarga derrota para o San Diego Chargers na última semana. Para dificultar a vida de Peyton Manning até mesmo o teto retrátil do Lucas Oil Stadium foi aberto. O camisa 18 sentiria o frio de Indianápolis. A partida então se iniciou de forma morosa, com as defesas se impondo ante os ataques. Pouco a pouco, Luck e Manning foram mostrando seus habituais poderes de leitura de jogo. Os Colts abriram o placar com um passe de 17 jardas de Manning para o touchdown de Erick Decker. Mas, os donos da casa reagiram e emplacaram uma sequência de três touchdowns, um Field Goal e um safety para finalizar o primeiro tempo na liderança.  Na volta do intervalo, os Broncos seguiram apresentando uma série de erros. O nervosismo na sideline era visível. Após uma sequência de penalidades defensivas, Andrew Luck correu 10 jardas e anotou mais um touchdown para a franquia de Indianápolis. No último quarto, os Broncos resolveram reagir. A equipe ficou bem próxima de empatar o placar. Foram dois touchdowns consecutivos, mas na hora H, Peyton Manning acabou interceptado. O golpe de misericórdia foi dado pelo kicker Matt Prater, que selou a vitória dos Colts por 39 a 33.