Prédio onde funciona Bolão foi vendido e espaço pode mudar de lugar

Nome de comprador ainda é um mistério; donos tem outro imóvel, também no Santa Teresa

iG Minas Gerais | ALINE DINIZ |

Depois de dançar, beber e curtir a noite belo-horizontina, muitas pessoas vão ao restaurante Bolão, localizado no Santa Tereza, na região Leste da capital mineira, para esticar o papo e  se deliciar com as tradicionais refeições servidas no estabelecimento. Porém, o prédio onde funciona o Bolão foi vendido e os assíduos frequentadores podem precisar  mudar um pouco a rotina. A boa notícia é que o proprietário do restaurante tem um imóvel ao redor da praça de Santa Tereza, o que pode amenizar a mudança. Segundo Cláudio de Sousa Rocha, um dos gerentes do estabelecimento, uma das herdeiras ligou para o local e anunciou a venda. Rocha contou que o nome do comprador ainda é um mistério e que ele não sabe se vão precisar mudar de local. Sílvio Eustáquio Rocha e o irmão José Maria Rocha, conhecido como Bolão,  estavam vendendo uma casa que fica localizada ao redor da praça. Porém, eles desistiram, já que podem precisar mudar o empreendimento de lugar. Rocha considera que o Bolão, que já funciona no mesmo local há mais de 50 anos, faz parte da cultura de belo Horizonte. Os donos, inclusive, pretendiam vender o outro imóvel para comprar o prédio onde funciona o restaurante. Para a arquiteta urbanista e participante do movimento Salve Santa Teresa,  Karine Carneiro, os moradores vão perder “parte da identidade do bairro”. “É quase uma extensão da esquina e faz parte da vida boemia da cidade”, diz.  Porém, Karine afirma que a ação é legal e não e não há nada a ser feito. 

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave